Marca Maxmeio

Notícias

A sede da Capitania das Artes recebe nesta quinta-feira (8), a partir das 19h, a primeira edição do projeto “Memórias da Poesia”, que irá reunir os principais nomes da Viola no Estado e também da região Nordeste em duelos, homenagens, mesas poéticas e participação do público. A entrada é franca e o projeto faz parte do Natal em Natal, promovido pela Prefeitura do Natal.

“Memórias da Poesia” tem como finalidade homenagear e rememorar a vida e obra de personalidades poéticas que contribuíram historicamente com a poesia natalense. O projeto funciona como uma extensão do consagrado ‘’Sexta da Viola’’, que acontece todas as primeiras sextas do mês no hall interno da Biblioteca Esmeraldo Siqueira, na Fundação Cultural Capitania das Artes.

Com público fiel, o projeto trouxe apresentações inéditas de duas duplas de violeiros repentistas e a intervenção do aboiador Amâncio Sobrinho. Seguindo esse modelo, o ‘’Memórias da Poesia’’ contará na programação com uma dupla de violeiros repentistas convidados, para participar após a mesa de glosa.

A mesa de glosas, uma das modalidades de poesia de improviso, é uma prática tradicional e autêntica desenvolvida no sertão de Pernambuco, exercida no dia a dia pelos poetas glosadores como uma atividade de improviso sem viola, que engloba conteúdo poético, métrica, rima, oração e agilidade. Já é marca registrada e atração em diversos eventos nas cidades localizadas na região do Pajeú Pernambucano.

Essa vivência na cultura popular, mais expressivamente na cantoria de viola, fez com que o idealizador do projeto ‘’Memórias da Poesia’’, o natalense Felipe Pereira, de 22 anos, atualmente um dos mais jovens cantores e repentistas da arte da cantoria, pensasse num formato mais elaborado que contextualizasse o que temos de mais genuíno no cenário potiguar a partir das ‘’memórias’’.

Trata-se de uma grande oportunidade para poetas, repentistas, aboiadores, e cantadores do gênero, possam homenagear grandes representações neste momento. “É sem dúvida, de grande valor para o cenário e história da cantoria de viola e seus adeptos e, com isso, apostar no fomento e no estimulo a valorização da cultura popular”, comenta o violeiro Felipe Pereira.

O “Memórias da Poesia” será muito mais que uma vitrine para os adeptos do gênero, oportuniza a fruição do bem imaterial que a categoria dispõe.

 

Participantes do “Memórias da Poesia”

 

André Santos, 26 anos, nascido em Afogados da Ingazeira – PE é um dos jovens cantadores repentistas da cantoria. O poeta começou a sua carreira em 2014 nas cantorias de pé de parede em Tabira – PE. No ano de 2016 gravou seu primeiro DVD e em 2018 seu CD de canções com 11 faixas 100% autoral. Tem participações nas mesas de glosas de todo Pajeú pernambucano e em grandes congressos de repentistas como, por exemplo, o FENOGER, Festival da nova geração do repente, em Campina Grande – PB e Gravatá – PE.

Zé Adalberto é natural e residente em Itapetim-PE, poeta, escritor, glosador, declamador e palestrante. Há mais de 20 anos se dedica a poesia popular. Ganhou em 1989 seu primeiro concurso literário, na categoria cordel, concorrendo com participantes de PE, PB e RN. Em 2005, publicou seu primeiro livro de poemas: “No Caroço do Juá”. Participou, em 2006, do Documentário “Com a Boca no Mundo”, da série “Poetas do Repente”, da Fundação Joaquim Nabuco, para a TV Escola. Concorreu, em 2012, na 2ª edição do Voaviola, em parceria com a dupla Edmilson Ferreira e Antônio Lisboa, sendo classificado em 2º lugar a nível nacional; essa mesma dupla também gravou um cd de sua autoria, em 2011. Tem participado de incontáveis Mesas de Glosas, a exemplo do Recife e cidades como: Petrolina, Porto Alegre, Salvador, Teresina, Exu, Garanhuns, Tabira, São José do Egito, Afogados da Ingazeira,  Serra Talhada, entre outras.

Iponax Vila Nova, poeta, declamador com 20 anos de profissão, reside em Campina Grande – PB e nasceu em Cajazeiras – PB. É fundador do Clube do Repente e apresentador de um programa de rádio chamado: O Universo dos versos, rádio Caturité FM de Campina. Organiza o festival Estado x Estado e já participou de 500 festivais por esse Nordeste afora (Recife, Caruaru, Surubim, Arapiraca, Mossoró, Limoeiro do Norte, Aracaju, João Pessoa, Patu, Paulo Afonso, Petrolina), tem cinco CDs gravados.

Dayane Rocha, 22 anos, nasceu e reside em Tabira – PE, é poetisa, glosadora, escritora e é graduada em Historia pela Faculdade de Formação de Professores de Afogados da Ingazeira (FAFOPAI). Tem participação em várias mesas de glosas em Tabira – PE, Garanhuns – PE, São José do Egito – PE, Porto Alegre – RS, Salvador – BA, Teresina – PI.

Marcos Teixeira é natural de Pedro Velho – RN, poeta, repentista, cordelista, glosador, professor, bacharel em sociologia e ciência política pela UFRN e bacharel em direito pela UERN. Ministra palestras e oficinas sobre cordel e cantoria e também é produtor cultural. É um dos fundadores do Grupo Cultural Boi de Cuité considerado patrimônio vivo da cultura nordestina. Atualmente apresenta o programa “Violas da nossa gente” da rádio Talismã FM de Belém – PB

Felipe Pereira, 22 anos, natalense, é atualmente um dos mais jovens cantadores e repentistas da arte da cantoria. O Jovem poeta começou sua carreira em 2011 participando de projetos culturais promovidos pela prefeitura do Natal. Em 2013 encarou o mundo do repente como profissão inspirado e motivado por grandes nomes da viola como Ivanildo Vila Nova, Os nonatos e Raimundo Caetano. A trajetória de sucesso ficou marcada, em 2014, com a gravação do primeiro CD e do DVD, gravado no Teatro Patativa do Assaré em Juazeiro do Norte – CE. Nesse pequeno tempo de poesia, Felipe já apresentou o seu trabalho em vários municípios do nordeste, com duas turnês em São Paulo – SP, participação no Programa “Caldeirão do Huck” da TV Globo e é, com o seu parceiro de dupla Helânio Moreira, o atual campeão do “Festival dos Festivais do Repente no Nordeste”, que aconteceu no final de 2016 numa acirrada disputa no teatro Emiliano Queiroz em Fortaleza – CE.

Helânio Moreira, 27 anos, nasceu em Natal – RN, mas reside em Serra de São Bento – RN, é poeta, repentista, cancioneiro. Começou a cantar em 2010 participando de várias cantorias na região agreste do Rio Grande do Norte. Tem DVD e CD gravados em parceria com Felipe Pereira e é o atual o atual campeão do “Festival dos Festivais do Repente no Nordeste”, que aconteceu no final de 2016 numa acirrada disputa no teatro Emiliano Queiroz em Fortaleza – CE. Tem participações em diversos programas de rádio em Guarabira – PB, Alagoinha – PB, Campina Grande – PB, Afogados da Ingazeira – PE, e participações em programas de TV em Natal – RN com destaque a matéria para InterTV Cabugi nos programas “Resenhas do RN” e “Rota InterTV”.

Amâncio Sobrinho nasceu em Aparecida – PB e é residente em Natal – RN. É poeta, aboiador e repentista. Tem notório destaque nas cavalgadas e vaquejadas do nordeste como um dos mais premiados aboiadores da profissão. Começou a cantar ainda adolescente, já tem CD gravado e participações em diversos festivais e congressos de repentistas pelo Brasil. Participou de entrevistas e matérias nas TV´s e rádios de Natal e é o atual coordenador do projeto “Sexta da Viola” promovido pela Capitania das Artes.

Edmilson Ferreira despertou o interesse pela arte da Cantoria aos 12 anos de idade; canta profissionalmente desde 1988. Publicou em 1989 o livro “A Viagem de um Matuto” em parceria com Zé Ferreria;Tem participação em mais de 450 festivais de cantadores, onde alcançou 220 primeiros lugares, inclusive o bi-campeonato do festival de Machados, PE, no dia 10/03/07 e o penta-campeonato do Festival de Mossoró, RN, em junho de 2008;

Jadson Lima Poeta, Cordelista e compositor,reside em Bom Jesus, Interior do estado do RN.Nascido a 31/10/1988 na cidade do sol (Natal) ,Filho de Manoel Amadeu de Lima e de Maria de Lourdes Silvério de Lima sendo o penúltimo dos quatro filhos do casal (João Batista,Jonas Amadeu e Allan Henrique).Casado com Sâmia Jamylle de Lima, mulher que lhe deu o maior presente do mundo seu filho DAVI LIMA. Considera-se um amante da poesia especialmente a Literatura de Cordel.Em Agosto de 2008 tornou-se membro da UNICODERN (União dos Cordelistas do Rio Grande do Norte).

Serviço

Local: Hall da Biblioteca Esmeraldo Siqueira – FUNCARTE

Endereço: Rua Câmara Cascudo, 434 – Centro

Dia: 08 de Novembro

Horário: 19h

Aberto ao Público

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Btn Posts Anteriores