Marca Maxmeio

Resultado da busca por: fiart

_MG_9553

A programação da XX Feira Internacional de Artesanato foi apresentada para a imprensa e parceiros do evento nesta quinta no Mangai, ocasião em que o coordenador geral da Fiart, Neiwaldo Guedes, revelou informações relevantes como a expectativa de público em torno de 70 mil visitantes, a presença de 2.200 artesãos locais, nacionais e internacionais – de 16 países, o envolvimento de 1.460 artistas em apresentações culturais de todas as artes e o investimento de R$ 1.000.000,00, além da Fiart empregar 370 pessoas durante seus dez dias de realização.

Os parceiros SEBRAE/RN, Governo do Estado do Rio Grande do Norte (Sethas), Secretaria da Micro e Pequena Empresa (Programa do Artesanato Brasileiro)​ e Prefeitura Municipal do Natal também revelaram aspectos de suas participações e a Fiart 2015 acontece de 23 deste mês até 1 de fevereiro, no Pavilhão das Dunas do Centro de Convenções, tendo como tema: “O entrelaçar dos fios tece novas oportunidades”.

 

 

Serviço:

20ª FIART – Feira Internacional de Artesanato
Período: 23 de janeiro a 01 de fevereiro de 2015

Estandes: 385

Nº. de artesãos: 2.200

Participantes: artesãos de todo o Brasil e de 16 países

Artistas da programação cultural: 1.460

Trabalhando na organização do evento: 370 pessoas

Valor investido: R$ 1.000.000,00

Valor movimentado na Fiart 2014 – R$ 9.700.000,00 com a venda de produtos

Estimativa de público: 70.000 mil visitantes nos 10 dias do evento

Horário de funcionamento: segunda a quinta – 15 às 22h (primeira semana). Sexta a domingo de 15 às 23h.
Tema: “O entrelaçar dos fios tece novas oportunidades”

Flávio Rezende
Assessoria de Imprensa

 Fiartjan14b
A XX Feira Internacional de Artesanato apresenta variada programação cultural de 23 deste mês até o primeiro dia de fevereiro, colocando no palco armado no Pavilhão das Dunas do Centro de Convenções, cerca de 1.500 artistas entre músicos, compositores, cantores, bailarinos, repentistas, humoristas, percursionistas e mamulengueiros, entre outros, no que é considerado o maior desfile de artistas locais do Rio Grande do Norte num evento voltado para o público em geral.

A Fiart começa a funcionar a partir das 15h e a programação cultural tem início às 17h, se estendendo até o fim, com o evento ficando aberto até 22h durante a semana e avançando até 23h nesta parte cultural nos fins de semana.

Para Neiwaldo Guedes, da Espacial Eventos, empresa promotora da Fiart, “a diversificação cultural do evento proporciona que grupos de todo o Rio Grande do Norte possam ter vez, atraindo pessoas destes municípios, que aproveitam este espaço para adquirir produtos na feira e prestigiar as bandas, grupos folclóricos, quadrilhas ou artistas de sua região, num clima muito agradável e importante para a cultura potiguar”.

 

Serviço:

20ª FIART – Feira Internacional de Artesanato
Período: 23 de janeiro a 01 de fevereiro de 2015

Estandes: 385
Nº. de artesãos: 2.200

Participantes: artesãos de todo o Brasil e de 16 países

Artistas da programação cultural: 1.460

Trabalhando na organização do evento: 370 pessoas

Valor investido: R$ 1.000.000,00

Valor movimentado na Fiart 2014 – R$ 9.700.000,00 com a venda de produtos

Estimativa de público: 70.000 mil visitantes nos 10 dias do evento

Horário de funcionamento: segunda a quinta – 15 às 22h (primeira semana). Sexta a domingo de 15 às 23h.
Tema: “O entrelaçar dos fios tece novas oportunidades”.

 

Flávio Rezende
Assessoria de Imprensa

IMG_3719
– Evento quer atrair 70 mil visitantes –
A alta estação em Natal não fica movimentada só nas praias e nos shows no litoral. No período de 23 de janeiro a 01 de fevereiro de 2015, no Pavilhão das Dunas do Centro de Convenções, acontecerá a vigésima edição da Fiart (Feira Internacional de Artesanato), evento que reúne uma variada programação cultural, gastronomia de alguns estados do Brasil, e o melhor do artesanato local, nacional e internacional, em estandes organizados dentro de uma grande estrutura, tornando Natal a capital nacional do artesanato neste período e reunindo aqui a diversidade do artesanato brasileiro, que é reconhecido como dos melhores do planeta.
Os números da FIART crescem a cada ano, numa prova do sucesso do evento, tanto entre os potiguares, como entre os turistas. Pesquisas medindo a satisfação dos frequentadores, realizadas pela Smart e pelo SEBRAE/RN – um dos parceiros da promoção, indicam 85% de aprovação entre os artesãos participantes e o público visitante na última Fiart.
Segundo seu coordenador, Neiwaldo Guedes, “a simpatia do público com o evento deve-se a uma série de fatores, sendo os mais importantes à organização, a variedade dos produtos e a possibilidade de presenciar shows regionais e até oficinas paralelas, numa oferta de produtos e serviços que agrada todos os públicos. Este ano apresentamos o tema, “O entrelaçar dos fios tece novas oportunidades, destacando assim os bordados, rendas e crochês, muito vivos em nossa cultura artesanal”.
Além dos 385 estandes com peças artesanais para todos os gostos, a FIART 2015 vai oferecer para o público estimado em 70 mil pessoas, diversos eventos paralelos, desfile de moda artesanal, apresentações folclóricas, quadrilhas juninas fora de época e shows com artistas potiguares.
As tribos indígenas presentes anualmente na FIART representam várias etnias, levando para o Pavilhão das Dunas a cultura e o artesanato indígena, gerando renda para o seu povo. A exposição acontece numa maloca mostrando assim suas origens.
Neiwaldo Guedes ressalta ainda a importância econômica do evento, que movimenta uma significativa soma de recursos, proporcionando mais renda para milhares de pessoas, que beneficiarão em cadeia muitas outras, além de lembrar a parceria que vem sendo feita a cada ano e renovada para mais esta edição, com a Prefeitura do Natal, Governo do Estado e SEBRAE/RN, além do apoio também da Secretaria da Micro e Pequena Empresa através do Programa do Artesanato Brasileiro. O Governo do Estado, através da Sethas, apresenta grande incentivo para artesãos de todo o Rio Grande do Norte, cedendo espaço e colocando o artesão local cara a cara com o público consumidor.
A Fiart é um evento consolidado no calendário turístico do RN, com reconhecida valorização dos artistas da terra e importante indutor econômico de geração de emprego e renda para artesãos de vários quadrantes, além de ter importância turística na medida em que incrementa a alta estação em Natal, provocando nos turistas a boa impressão de uma cidade movimentada em todos os aspectos.
Serviço:
20ª FIART – Feira Internacional de Artesanato
Período: 23 de janeiro a 01 de fevereiro de 2015
Estandes: 385
Nº. de artesãos: 2.200
Participantes: artesãos de todo o Brasil e de 16 países
Artistas da programação cultural: 1.460
Trabalhando na organização do evento: 370 pessoas
Valor investido: R$ 1.000.000,00
Valor movimentado na Fiart 2014 – R$ 9.700.000,00 com a venda de produtos
Estimativa de público: 70.000 mil visitantes nos 10 dias do evento
Horário de funcionamento: segunda a quinta – 15 às 22h (primeira semana). Sexta a domingo de 15 às 23h.
Tema: “O entrelaçar dos fios tece novas oportunidades”
Flávio Rezende
Ass. Imprensa

IMG_5722

         

              A 19ª edição da Feira Internacional de Artesanato termina no próximo domingo, funcionando das 15 às 22h. A Fiart está agradando os visitantes e, apresenta na programação cultural de sexta, o trio de forró Santa Maria, banda de música de Monte Alegre, show clássico com bailarinos da EDTAM e transformismo com Marlúcio Ramalho. Em seguida tem a final do 12º Festival de Danças Folclóricas e Contemporâneas, Oficina da Viola do RN e show artístico com Joãozinho e Grupo Kairus.

O sábado cultural na Fiart começa com arte circense, mostra da cultura indígena, grupo cultural da SEMTAS, Tuareg Kasa do Oriente, grupos culturais da UFRN e FJA e um desfile de princesas e Miss Mirim Mundo da Agência C Publicidade. O sábado fecha com a banda de música Euterpe Jardinense,  banda C4 e serestão de Luiz Almir e Banda.

O último dia da Fiart 2014, o domingo, começa às 17h30 com grupo TTT da Semob, Lapinha do Menino Deus da Vila de Ponta Negra, Hip Hop da Casa do Bem, grupo de dança Galera Mix da Zona Norte, Casa do Balé de Parnamirim, Cia de Dança do TAM, banda de música de Pureza e, fechando a Fiart, a banda Forró dos Empresários e Alessandro Saldanha na Pisadinha do Brasil.

A Fiart funciona com 385 estandes e tem o apoio da Prefeitura da Cidade do Natal, Sebrae/RN, programa do Artesanato Brasileiro da  Secretaria da Micro e Pequena Empresa e Economia Solidária do Governo Federal e do Governo do Estado do RN, através da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social.

Por Flávio Rezende – ass. imprensa

25 de janeiro de 2014 às 14:35

Viva Costeira deste domingo está suspenso

O projeto Viva Costeira está suspenso neste domingo (26). O motivo é o aumento do fluxo no trânsito na Via Costeira – sobretudo de ônibus – provocado pela promoção da 19 edição da Feira Internacional de Artes (Fiart), realizada no Centro de Convenções.

 

Para evitar congestionamentos e manter a fluidez do trânsito no local, a Secretaria de Estado do Turismo (Setur), coordenadora do projeto, atendeu pedido da organização do evento e suspendeu esta edição do Viva Costeira. No outro domingo o projeto volta normalmente.

 

O Viva Costeira é um projeto voltado à saúde e ao lazer. Todos os domingos uma faixa da Via Costeira é interditada (entre as rotatórias do Centro de Convenções de Natal até o Vila do Mar) para o livre caminhar da população. Acontece sempre entre 16h e 20h.

Assessoria de Comunicação SETUR/EMPROTUR
Sérgio Vilar 
26 de janeiro de 2011 às 19:02

Seminário do Artesanato Potiguar

VI Seminário do Artesanato Potiguar incrementa Fiart

Dentro da programação da Feira Internacional de Artesanato aconteceu na manhã desta quarta-feir a a abertura do VI Seminário do Artesanato Potiguar com o tema: “O Artesanato Como Fator Gerador de Renda”. O evento esta acontecento no Centro de Convenções, com os participantes sabendo das propostas do Governo do Estado para o Artesanato e palestras sobre o Programa do Artesanato Brasileiro,  com apresentação de representante do SICONV- Portal de Convênios do Governo Federal e, concluindo a programação do primeiro dia, uma explanação sobre o projeto de Lei 136 e a Previdência Social.
O VI Seminário do Artesanato Potiguar continua na quinta às 9h30 com apresentação das propostas elencadas pelos artesãos em 2009 e um fórum sobre a reestruturação do artesanato com a presença de representantes do Banco do Nordeste, Sebrae, Governo do Estado – Proart e de instituições.
A Fiart continua sua programação normal das 15 às 22h com shows culturais, gastronomia e a exposição das peças dos 1.600 artesãos participantes, com o evento apresentando como novidade o funcionamento de um trenzinho fazendo o transporte das pessoas do estacionamento do Praia Shopping até o Pavilhão das Dunas do Centro de Convenções e, levando de volta, durante o horário de funcionamento da FIART, que prossegue até domingo, com boa visitação até o momento e bom volume de negócios.

30 de março de 2009 às 12:00

Arte no muro

artnomuro_5549
Belo trabalho de Andruchak no muro ao lado do prédio da Receita Federal na Ribeira

Marcos Andruchak, é artista plástico Brasileiro e autodidata.
Sua pintura busca mostrar o imaginário de situações reais, surreais ou abstratas, procurando sempre um estilo único, próprio, inspirado em tudo que considera atraente, desde pinturas, texturas, rabiscos e o estudo das cores que melhor se apliquem a cada grafismo que produz.

Esse tipo de trabalho deveria ser incentivado pelos órgãos públicos para deixar a cidade mais bonita e apoiar uma galera que sabe fazer muito bem. É espetacular o trabalho da  turma da Grafiart que tem apoio do Instituto Manamauê de Cultura Hip-Hop. Clique Veja post aqui no blog.

29 de outubro de 2008 às 21:55

Graffiti No Morro

Passando ontem em frente a Escola Estadual Dinarte Mariz em Mãe Luiza, deparei com esse trabalho espetacular da turma da Grafiart que tem apoio do Instituto Manamauê de Cultura Hip-Hop. Esta é a quinta escola que eles fazem esse trabalho. O muros sujos e mau cuidados das escolas públicas se transformam em verdadeiras obras de artes pelas mãos desses grafiteiros criativos. Segundo Silvano Medeiros, coordenador do projeto, apesar de terem conseguido através de licitação junto a Secretaria de Educação aprovar o projeto, eles só estão conseguindo viabilizar o trabalho, graças ao voluntariado dos grafiteiros e uma verba de R$ 30.000,00 doada pelo Instituto para compra do material. “Não temos apoio nenhum dos órgãos públicos, o Secretário de Educação do Estado passou aqui esta semana nem sequer parou para da um apoio moral para o pessoal”, desabafou Silvano.

08 de março de 2008 às 08:45

Dia Internacional da Mulher

fiart_3355.jpg
Uma homenagem a todas as mulheres do mundo através da deficiente visual Marinalva que mesmo sem nada enxergar, utiliza da sensibilidade de sua alma de mulher para esculpir golfinhos de madeira. A prova da guerreira que são as mulheres.

mulher_9308.jpg

mulher_0623.jpg

mulher_8357.jpg

Apesar de muitas conquistas, a mulher ainda tem uma longa estrada a percorrer. Tomara que essa estrada não seja tão longa assim.