Marca Maxmeio

Resultado da busca por: fiart

 

Programação cultural

Sexta-feira – 1º de fevereiro

 

18h – Concerto na Fiart – Grupo Som e Melodia – São Miguel do Gostoso/RN

19h – Abertura do 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolcloricas – Homenagem à Mestra Sephora Bezerra

Apresentações: Grupo de Dança Xaxado – Parnamirim/RN

Grupo Cultural Eita de Projeções Folclórica – PB

Grupo Dança Folclórica Popular – Bezerros/PE

Grupo Via Cia Intervenção Artística e Teatro Caruense de Dança – Fortaleza/CE

Grupo Folclórico Boi Imperial – Serra de São Bento/RN

Grupo Cordão de Ouro

20h30 – Show: Meirão do Forró

 

Sábado – 2 de fevereiro

17h30 cortejo: Trio de Forró Santa Maria

18h – Apresentações culturais – Tuareg Kasa do Oriente (Danças orientais)

19h – 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolcloricas – Homenagem à Mestra Sephora Bezerra

Finalistas Grupos Folclóricos;

Finalistas Grupos Parafolclóricos;

20h30 – Apresentação Especial do Grupo Pastoril Dona Joaquina – São Gonçalo do Amarante

Resultado e a entrega da premiação do 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolcloricas

Entrega da premiação do Prêmio VITRINE

21h – Show: Reinaldo Azevedo e Banda Anos 60

 

Domingo – 3 de fevereiro

17h – Estúdio de Dança Soraya Lima /Parnamirim/RN

17h30 – Cortejo: A arte do Circo

18h – Apresentações culturais: Cia de Danças Balão Dourado; Grupo de Dança VIDART; Grupo Raízes do Agreste – Espírito Santo/RN; Grupo Cultural Lar Fabiano de Cristo

20h – Show: Joãozinho (Banda Kairos)

 

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal. Outras informações e fotos estão disponíveis no site www.feirafiart.com.br

 

SERVIÇO:

 

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

Começou ontem,  quarta-feira o Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas na 24ª Fiart

 

Na programação cultural da 24ª Feira Internacional de Artesanato (FIART), o 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas, que esse ano faz uma homenagem à desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa de São Gonçalo do Amarante, Sephora Bezerra. O evento tem o objetivo de promover o resgate das raízes culturais nordestina.

 

O festival reúne grupos do Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Ceará para apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda; Caboclinho; Papangus; Maracatu; Xaxado; Araruna; Pastoril; e a Capoeira.  A fase classificatória será realizada de 30 de janeiro a 1º de fevereiro.

 

Os dois grupos com as melhores pontuações nas categorias folclórico e parafolclórico nessa fase seguem para a final, que acontece no sábado (2). Os vencedores receberão premiação em dinheiro, certificados e troféus.

 

Programação:

 

 

Quinta-feira – 31 de janeiro

 

18h – Concerto na Fiart – Chaguinha Bezerra/Currais Novos

19h – Abertura do 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas – Homenagem  à   Mestra Sephora Bezerra

Apresentações: Grupo TC Movi Art./Currais Novos/RN

Grupo Teatro e Perseverança Jovem/São José de Mipibu/RN

Grupo Xaxado Estrela do Cangaço/Jose da Penha/RN

Grupo Cultural Filhos da Arte – Macaíba/RN

Grupo Encantos – São Jose de Mipibu/RN

Grupo Capoeira Show Celeiro de Bamba

Grupo Cultural Explosão – Nísia Floresta

21h – Show: Alan Miranda

 

Sexta-feira – 1º de fevereiro

 

18h – Concerto na Fiart – Grupo Som e Melodia – São Miguel do Gostoso/RN

19h – Abertura do 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolcloricas – Homenagem à Mestra Sephora Bezerra

Apresentações: Grupo de Dança Xaxado – Parnamirim/RN

Grupo Cultural Eita de Projeções Folclórica – PB

Grupo Dança Folclórica Popular – Bezerros/PE

Grupo Via Cia Intervenção Artística e Teatro Caruense de Dança – Fortaleza/CE

Grupo Folclórico Boi Imperial – Serra de São Bento/RN

Grupo Cordão de Ouro

20h30 – Show: Meirão do Forró

 

Sábado – 2 de fevereiro

17h30 cortejo: Trio de Forró Santa Maria

18h – Apresentações culturaisTuareg Kasa do Oriente (Danças orientais)

19h17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolcloricas – Homenagem à Mestra Sephora Bezerra

Finalistas Grupos Folclóricos;

Finalistas Grupos Parafolclóricos;

20h30 – Apresentação Especial do Grupo Pastoril Dona Joaquina – São Gonçalo do Amarante

Resultado e a entrega da premiação do 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolcloricas

Entrega da premiação do Prêmio VITRINE

21h – Show: Reinaldo Azevedo e Banda Anos 60

 

Domingo – 3 de fevereiro

17h – Estúdio de Dança Soraya Lima /Parnamirim/RN

17h30 – Cortejo: A arte do Circo

18h – Apresentações culturais: Cia de Danças Balão Dourado; Grupo de Dança VIDART; Grupo Raízes do Agreste – Espírito Santo/RN; Grupo Cultural Lar Fabiano de Cristo

20h – Show: Joãozinho (Banda Kairos)

 

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal. Outras informações e fotos estão disponíveis no site www.feirafiart.com.br

 

SERVIÇO:

 

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

 

 

Sobre Sephora Bezerra

Sephora Maria Alves Bezerra nasceu no dia 16 de junho de 1961 no Centro de São Gonçalo do Amarante, RN. Foi a primeira de 10 filhos do casal Antônio Marcel de Melo Bezerra e Damiana Alves Bezerra.

Nascida numa família de artistas e professores, desde cedo foi envolvida nos trabalhos culturais de sua cidade. Desenhista, pintora, poeta, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, ainda na adolescência, fundou o grupo UDC junto com os amigos e a Igreja Matriz do Município, tendo como meta evangelizar através das artes, principalmente o teatro. Começou aí com a tradicional encenação da Paixão de Cristo na Cidade. Mais tarde o grupo UDC se tornaria o TESGA (Teatro de São Gonçalo do Amarante).

Como atriz, protagonizou personagens marcantes no teatro de sua cidade natal. Lançou o livro “Retrato em Preto e Branco” junto com o amigo Locha em 1993. Também cooperou com sua mãe no Pastoril da Escola Estadual Dr. Otaviano e em outras coreografias no grupo de danças e dramas que sua mãe também havia criado, com destaque para a “Aquarela do Brasil” – um sucesso absoluto em todo Estado no final da década de 70 e início de 80.  Muito inteligente e estudiosa, falava também inglês, espanhol, italiano e alemão. Mestra em Filosofia e especializada em Mística Medieval, foi palestrante em alguns seminários e conferências dentro e fora do país, e seus artigos publicados em revistas e livros ao redor do mundo, em vários outros idiomas.

Em 2004, juntamente com seus irmãos, fundou o grupo folclórico Pastoril Dona Joaquina e o Balé Popular Dona Joaquina (para outras intervenções e estudos culturais nas danças da região). O Pastoril surgiu como um legado familiar construído durante vários anos pela avó paterna Jéssica Débora nas Lapinhas/Pastoril Religioso da Igreja Matriz.

O Pastoril Dona Joaquina tornou-se referencial, como também o mais conceituado Pastoril do Brasil na atualidade, devido a sua visão de unir o antigo e o novo – mudança que funcionou e manteve a essência original com danças mais ágeis e elaboradas, fortalecendo a visão de alcançar e atrair os jovens, despertando neles interesse pela história e cultura regional.

O Grupo foi tese para mestrados e doutorados em várias Universidades do país. Em 2011, o Pastoril Dona Joaquina, sob o comando de Shephora, foi o grupo homenageado pelo Festival Nacional de Folclore em Olímpia/SP, juntamente com o Estado do Rio Grande do Norte. Séphora tornou-se uma das mais atuantes figuras defensoras da cultura potiguar pelo Brasil.

Mãe biológica de um único filho, Fernando Henrique Bezerra da Cunha, de seu segundo casamento. Por sua dedicação e cuidados, era considerada a segunda mãe por muitas pastorinhas e integrantes do grupo. Seus incentivos para o estudo impulsionaram vários brincantes a estudarem e concluir graduação universitária. Uma visão muito maior que só uma brincadeira folclórica, ou um passatempo cultural; mas uma construção social fundamentada na história comunitária comprometida com o futuro. Ela faleceu em 27 de janeiro de 2016, em Natal, vítima de câncer.     *Com informações de Ricardo Bezerra – irmão da homenageada

 

Mais informações:

Nice Medeiros – Assessoria de Imprensa 24ª Fiart

Quarta-feira – 30 de janeiro – Começa o 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas 

 Homenageando a desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, Séphora Bezerra, a 17ª edição do Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas –  acontecerá a partir desta quarta-feira (30) e prossegue até o dia 2 de fevereiro, reunindo grupos do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Paraíba em apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda (RN); Caboclinho ( PE)/(RN); Papangus (PE); Maracatu (PE); Xaxado (RN/PB); Araruna (RN); Pastoril de Dona Joaquina (RN); e a Capoeira (RN).

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal.

 

SERVIÇO:

 

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

A 24ª Feira Internacional de Artesanato (Fiart) foi aberta oficialmente nesta segunda-feira (28), no  Centro de Convenções de Natal, com a participação de autoridades, representantes do Sebrae, de entidades ligadas ao artesanato e artesãos.

O movimento na feira foi intenso nos primeiros três dias do evento, que reúne artesãos de sete países e de estados como São Paulo; Paraíba, Pernambuco, Ceará, Goiás, Sergipe, Rio de Janeiro, Pará, Amapá, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Acre, Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, além do Distrito Federal.

A Fiart agrega arte, cultura e entretenimento em um único espaço e é uma excelente opção de lazer para potiguares e turistas. A feira acontece até dia 3 de fevereiro no novo pavilhão do Centro de Convenções de Natal.

Além do trabalho dos mais de 1.000 artesãos que expõem no evento, os visitantes podem apreciar apresentações culturais diariamente. Dança, música, cortejos e rituais indígenas estão entre as expressões artísticas e culturas da programação.

Programação cultural dias 28 e 29 de janeiro:

Segunda-feira – 28 de janeiro

17h30 – Cortejo: A Arte do Circo

18h Banda de Música da Polícia Militar do Rio Grande do Norte

19h – Solenidade de abertura oficial da Fiart

19h40 – Dia das Cidades: Macau: Filarmônica Monsenhor Honório; Coral do Centro de Convivência do Idoso Afonso Delmiro; Pastoril das Moças e das Crianças

21h – Show Mini Mega Brega e Convite Carnaval de Macau

Terça-feira – 29 de janeiro

17h30 – Cortejo – Trio de Forró Santa Maria

18h – Concerto: Banda de Música da Aeronáutica

19h – Apresentações dos grupos: Lenda da Puxada da Rede/APAE; Caboclinhos; Legado Negro e O Barão e a Baronesa

20h30 – Show: Raul Seixas Cover

Quarta-feira – 30 de janeiro

Início do 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas – Homenageando a desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, Séphora Bezerra, a 17ª edição do festival acontecerá a partir do dia 30 de janeiro e prossegue até o dia 2 de fevereiro, reunindo grupos do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Paraíba em apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda (RN); Caboclinho ( PE)/(RN); Papangus (PE); Maracatu (PE); Xaxado (RN/PB); Araruna (RN); Pastoril de Dona Joaquina (RN); e a Capoeira (RN).A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal.

SERVIÇO:

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)


Nice Medeiros – Assessoria de Imprensa 24ª Fiart

 

A feira começou na última sexta-feira no novo pavilhão do Centro de Convenções de Natal e segue até o dia 3 de fevereiro com diversificada programação cultural  

 

A 24ª Feira Internacional de Artesanato (Fiart) teve início na última sexta-feira (25) no novo pavilhão do Centro de Convenções de Natal com uma programação diversificada e atrações para toda a família. Da cultura indígena à tecnologia dos simuladores virtuais, da gastronomia à pintura, a Fiart reúne diversidade, cultura e lazer em um mesmo lugar.

Na primeira noite, além da exposição do trabalho de mais de mil artesãos brasileiros e estrangeiros, a programação cultural da abertura contou com apresentações do Trio de Forró Santa Maria, Banda de Música do 3º Distrito Naval de Natal, Companhia de Dança do Teatro Alberto Maranhão e show com a Deusa Nordestina do Forró.

Nessa edição da Fiart o visitante encontra desde o mais autêntico e tradicional artesanato produzido em várias regiões do Brasil, como o Seridó potiguar, Pernambuco, Minas Gerais e Pará, como também o colorido das peças dos artesãos estrangeiros do Senegal, Madagascar, Colômbia, entre outros.

Para o público infantil, a Feira dispõe de espaço kids com o Slime Club, cama elástica, tobogã infantil, pintura de mão e penteados. Já para quem é mais tecnológico, a Fiart conta com plataformas de entretenimento como os simuladores de realidade virtual em 9 dimensões, com mais de 100 simulações para o público. O espaço gastronômico reúne os apreciadores de uma boa cerveja artesanal e da comida de boteco – uma dupla que faz sucesso, em um espaço com vista para a Via Costeira e o Morro do Careca.

Neste sábado a Fiart dará início a homenagem a municípios participantes. O Dia das Cidades é dedicado a promover – por meio da arte e da cultura – o artesanato, a música, a dança e as mais tradicionais expressões culturais dos municípios que participam da Feira. A primeira cidade homenageada é Parnamirim, que terá espaço diferenciado para promoção do artesanato e dos artistas locais. A homenagem aos municípios segue na programação do evento até o próximo dia 29 de janeiro.

No sábado também foram iniciados os workshops de fotografia, onde os participantes estão aprendendo um pouco mais das técnicas usando câmeras e smartphones e de impressão em workshops gratuitos (inscrições no local) de fotografias. As aulas serão ministradas no período de 26 de janeiro a 2 de fevereiro. São 20 vagas por turmas, sendo: Fotografia com celular, ministrado por Canindé Soares; Fotografia Básica, por Henrique José e Preparando arquivos para impressão, ministrado por Pablo Pinheiro.

A solenidade de abertura oficial da 24ª Feira Internacional de Artesanato – reunindo autoridades, representantes de entidades ligadas ao artesanato e ao turismo e imprensa – acontece amanhã, segunda-feira (28), às 19h.

A partir do dia 29 de janeiro acontecem os minicursos de artesanato. Os participantes terão a oportunidade de aprender técnicas de pintura decorativa, scrap festa, encadernação e scrapbook nos minicursos que serão ministrados pela equipe da Vitrine da Arte de 29/01 a 01/02 (terça a sexta-feira). Serão disponibilizadas 20 vagas por minicurso, com caga horária de 2 horas. As inscrições serão realizadas 30 minutos antes do início de cada aula. Para participar, o interessado pagará apenas uma taxa de R$ 25,00 referente ao material, composto por apostila + kit de ferramentas de artesanato.

A Fiart Cultural acontece diariamente até o dia 3 de fevereiro. No dia 30 começa o 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas – Homenageando a desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, Séphora Bezerra, a 17ª edição do festival acontecerá de 30 de janeiro até o dia 2 de fevereiro, reunindo grupos do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Paraíba em apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda (RN); Caboclinho ( PE)/(RN); Papangus (PE); Maracatu (PE); Xaxado (RN/PB); Araruna (RN); Pastoril de Dona Joaquina (RN); e a Capoeira (RN).

O concurso de fotografia de fotografia já começou e quem quiser participar basta fazer uma foto das apresentações culturais ou do artesanato exposto na Fiart e publicar no Instagram usando a hashtag (#) de acordo com a categoria escolhida (exposição ou apresentação cultural).

O Concurso vai premiar as melhores fotos, registradas de câmera profissional ou celular, durante a Fiart. Os participantes terão que postar a foto na rede social Instagram. Para fotos das apresentações culturais, postar a foto e marcar a hashtag #FiartConcursoCultural; já para fotos das peças de artesanato expostas na Feira, postar a foto com a hashtag #FiartConcursoExpo. As três melhores fotos, avaliadas pelo público e pela banca de especialistas, em cada uma das duas categorias, receberão premiação em dinheiro e serviços. As hashtags podem ser postadas do até 1º de fevereiro de 2019. O resultado com a premiação será apresentado ao público no dia 2 de fevereiro. O regulamento do concurso está disponível do site http://feirafiart.com.br/concurso-de-fotografia/

Programação cultural até 29 de janeiro:

Sábado – 26 de janeiro

17 h – Academia Evidance (Dança de salão)

17h30 – Cortejo: A Arte do Circo

18h – Samba Solto – Espaço gastronômico

18h – Dia da Cidade – Parnamirim: apresentação da Banda de Música Trampolim da Vitória

19h – Companhia de Xaxado (A saga de lampião e Coco) e

Grupo Dançarte – Sequência Praieira

20h – Show do cantor Sérgio Luiz e Banda

 

Domingo – 27 de janeiro            

17h – Samba Solto – Espaço gastronômico

17h30 – Cortejo: Danças e rituais Indígenas

18h – Dia da Cidade – São Gonçalo do Amarante: Banda Municipal de São Gonçalo do Amarante

19h – Boi Calemba Pintadinho

20h – Show: Grupo de forró Será o Benedito

 

Segunda-feira – 28 de janeiro

17h30 – Cortejo: A Arte do Circo

18h Banda de Música da Polícia Militar do Rio Grande do Norte

19h – Solenidade de abertura oficial da Fiart

19h40 – Dia das Cidades: Macau: Filarmônica Monsenhor Honório; Coral do Centro de Convivência do Idoso Afonso Delmiro; Pastoril das Moças e das Crianças

21h – Show Mini Mega Brega e Convite Carnaval de Macau

 

Terça-feira – 29 de janeiro

17h30 – Cortejo – Trio de Forró Santa Maria

18h – Concerto: Banda de Música da Aeronáutica

19h – Apresentações dos grupos: Lenda da Puxada da Rede/APAE; Caboclinhos; Legado Negro e O Barão e a Baronesa

20h30 – Show: Raul Seixas Cover

 

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal. Outras informações e fotos estão disponíveis no site www.feirafiart.com.br

 

SERVIÇO:

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

 


Mais informações:
Nice Medeiros – Assessoria de Imprensa 24ª Fiart

 

 

Além da exposição do trabalho de artesãos brasileiros e estrangeiros, a Fiart terá minicursos de artesanato, workshops e concurso de fotografias, espaços kids e gastronômico, com a participação de 6 cervejarias artesanais do RN

 

A 24ª Feira Internacional de Artesanato (Fiart) começou nesta sexta-feira (25),  no novo pavilhão do Centro de Convenções de Natal e reúne artesãos das cinco regiões do Brasil e de países como Senegal, Bolívia, República Tcheca, Peru, Madagascar e Colômbia.  A expectativa de público, de acordo com o organizador da feira, Neiwaldo Guedes, é de aproximadamente 70 mil pessoas durante os 10 dias de feira.  Em 2018, a Fiart movimentou R$ 6,8 milhões com a venda e comercialização de produtos. A meta é superar esse montante.

 

Para isso, a estrutura montada no novo espaço do Centro de Convenções conta com muitas atrações e novidades para atrair desde o apreciador do artesanato, como também quem gosta de programação cultural diversificada, unindo música, dança, gastronomia, lazer e entretenimento em só um lugar.

 

Já consolidada no calendário turístico da cidade no período da alta estação, a Fiart gera renda, movimenta a economia local e promove o trabalho de artesãos de brasileiros, especialmente dos potiguares, e estrangeiros.  Nesta edição, 250 artesãos potiguares vão expor e comercializar o que produzem no estande do Governo do Rio Grande do Norte, que apoia a feira por meio da Secretaria Estadual do Trabalho, Habitação e Ação Social – Sethas.  No estande da Prefeitura do Natal, também parceira na realização do evento, serão 70 artesãos de Natal e grupos da Economia Solidária.

O estado de Minas Gerais terá participação expressiva na 24ª edição da Fiart. Os artesãos mineiros, com o apoio do Governo do Estado, estão com 14 estandes exclusivos para apresentação do tradicional artesanato mineiro ao público do evento.  O trabalho de artesãos de São Paulo; Paraíba, Pernambuco, Ceará, Goiás, Sergipe, Rio de Janeiro, Pará, Amapá, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Acre, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, além do Distrito Federal, também está exposto na Feira.

A edição 2019, além do diversificado e rico artesanato exposto, conta com novidades como workshops e concurso de fotografias, minicursos de artesanato, espaços kids e gastronômico, com a participação de seis cervejarias artesanais do Rio Grande do Norte, além da promoção da arte da cultura de municípios participantes no dia dedicado a homenagear as cidades.

 

Dia das Cidades – para homenagear os municípios potiguares que participam do evento, por meio da promoção da arte e da cultura, no período de 26 a 29 de janeiro, a programação da feira terá o “Dia das Cidades”, com uma noite dedicada a apresentações culturais e artísticas, oficinas e exposição do artesanato produzido por um dos municípios participantes. As quatro cidades participantes são: Parnamirim (26/01); São Gonçalo do Amarante (27/01); Macau (28/01) e Ceará-Mirim (29/01).

 

Minicursos de artesanato – Os visitantes da feira terão a oportunidade não apenas de apreciar o artesanato, mas também de aprender técnicas de pintura decorativa, scrap festa, encadernação e scrapbook nos minicursos que serão ministrados pela equipe da Vitrine da Arte de 29/01 a 01/02 (terça a sexta-feira). Serão disponibilizadas 20 vagas por minicurso, com caga horária de 2 horas. As inscrições serão realizadas 30 minutos antes do início de cada aula. Para participar, o interessado pagará apenas uma taxa de R$ 25,00 referente ao material, composto por apostila + kit de ferramentas de artesanato.

 

Workshops de fotografia – Quem gosta de fotografia terá a oportunidade de aprender um pouco mais das técnicas usando câmeras e smartphones e de impressão em workshops gratuitos (inscrições no local) de fotografias. As aulas serão ministradas no período de 26 de janeiro a 2 de fevereiro. São 20 vagas por turmas, sendo: Fotografia com celular, ministrado por Canindé Soares; Fotografia Básica, por Henrique José e Preparando arquivos para impressão, ministrado por Pablo Pinheiro.

 

Concurso de fotografia – O Concurso de fotografia vai premiar as melhores fotos, registradas de câmera profissional ou celular, durante a Fiart. Os participantes terão que postar a foto na rede social Instagram, usando a hashtag (#) de acordo com a categoria escolhida. Para fotos das apresentações culturais, postar a foto e marcar a hashtag #FiartConcursoCultural; já para fotos das peças de artesanato expostas na Feira, postar a foto com a hashtag #FiartConcursoExpo. As três melhores fotos, avaliadas pelo público e pela banca de especialistas, em cada uma das duas categorias, receberão premiação em dinheiro e serviços. As hashtags podem começar a ser postadas do primeiro dia da Feira, 25 de janeiro, até 1º de fevereiro de 2019. O resultado com a premiação será apresentado ao público no dia 2 de fevereiro. O regulamento do concurso está disponível do site http://feirafiart.com.br/concurso-de-fotografia/

Programação cultural:

      Fiart Cultural – Espaço para promoção artístico-cultural potiguar, com apresentações diárias, a partir das 18h, de atrações como orquestras; danças orientais; rituais indígenas; shows artísticos; mostra de artes circenses e literatura de cordel. Na noite de abertura (25/01) o show de encerramento será com a cantora acariense Iranilda Santana, a Deusa Nordestina do Forró.

         17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas – Homenageando a desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, Séphora Bezerra, a 17ª edição do festival acontecerá a partir do dia 30 de janeiro e prossegue até o dia 2 de fevereiro, reunindo grupos do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Paraíba em apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda (RN); Caboclinho ( PE)/(RN); Papangus (PE); Maracatu (PE); Xaxado (RN/PB); Araruna (RN); Pastoril de Dona Joaquina (RN); e a Capoeira (RN).

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo do Estado, Governo Federal, por meio do Programa do Artesanato Brasileiro e do Ministério da Cultura, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal. Outras informações e fotos estão disponíveis no site www.feirafiart.com.br

SERVIÇO:

 

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

 

Mais informações:

Nice Medeiros – Assessoria de Imprensa 24ª Fiart

Além da exposição do trabalho de artesãos brasileiros e estrangeiros, a Fiart terá minicursos de artesanato, workshops e concurso de fotografias, espaços kids e gastronômico, com a participação de 6 cervejarias artesanais do RN

 

A 24ª Feira Internacional de Artesanato (Fiart) começa nesta sexta-feira (25), a partir das 16h, no novo pavilhão do Centro de Convenções de Natal e reúne artesãos das cinco regiões do Brasil e de países como Senegal, Bolívia, República Tcheca, Peru, Madagascar e Colômbia.  A expectativa de público, de acordo com o organizador da feira, Neiwaldo Guedes, é de aproximadamente 70 mil pessoas durante os 10 dias de feira.  Em 2018, a Fiart movimentou R$ 6,8 milhões com a venda e comercialização de produtos. A meta é superar esse montante.

 

Para isso, a estrutura montada no novo espaço do Centro de Convenções conta com muitas atrações e novidades para atrair desde o apreciador do artesanato, como também quem gosta de programação cultural diversificada, unindo música, dança, gastronomia, lazer e entretenimento em só um lugar.

 

Já consolidada no calendário turístico da cidade no período da alta estação, a Fiart gera renda, movimenta a economia local e promove o trabalho de artesãos de brasileiros, especialmente dos potiguares, e estrangeiros.  Nesta edição, 250 artesãos potiguares vão expor e comercializar o que produzem no estande do Governo do Rio Grande do Norte, que apoia a feira por meio da Secretaria Estadual do Trabalho, Habitação e Ação Social – Sethas.  No estande da Prefeitura do Natal, também parceira na realização do evento, serão 70 artesãos de Natal e grupos da Economia Solidária.

O estado de Minas Gerais terá participação expressiva na 24ª edição da Fiart. Os artesãos mineiros, com o apoio do Governo do Estado, terão 14 estandes exclusivos para apresentação do tradicional artesanato mineiro ao público do evento.  O trabalho de artesãos de São Paulo; Paraíba, Pernambuco, Ceará, Goiás, Sergipe, Rio de Janeiro, Pará, Amapá, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Acre, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, além do Distrito Federal, também estará exposto na Feira.

A edição 2019, além do diversificado e rico artesanato exposto, conta com novidades como workshops e concurso de fotografias, minicursos de artesanato, espaços kids e gastronômico, com a participação de seis cervejarias artesanais do Rio Grande do Norte, além da promoção da arte da cultura de municípios participantes no dia dedicado a homenagear as cidades.

 

Dia das Cidades – para homenagear os municípios potiguares que participam do evento, por meio da promoção da arte e da cultura, no período de 26 a 29 de janeiro, a programação da feira terá o “Dia das Cidades”, com uma noite dedicada a apresentações culturais e artísticas, oficinas e exposição do artesanato produzido por um dos municípios participantes. As quatro cidades participantes são: Parnamirim (26/01); São Gonçalo do Amarante (27/01); Macau (28/01) e Ceará-Mirim (29/01).

 

Minicursos de artesanato – Os visitantes da feira terão a oportunidade não apenas de apreciar o artesanato, mas também de aprender técnicas de pintura decorativa, scrap festa, encadernação e scrapbook nos minicursos que serão ministrados pela equipe da Vitrine da Arte de 29/01 a 01/02 (terça a sexta-feira). Serão disponibilizadas 20 vagas por minicurso, com caga horária de 2 horas. As inscrições serão realizadas 30 minutos antes do início de cada aula. Para participar, o interessado pagará apenas uma taxa de R$ 25,00 referente ao material, composto por apostila + kit de ferramentas de artesanato.

 

Workshops de fotografia – Quem gosta de fotografia terá a oportunidade de aprender um pouco mais das técnicas usando câmeras e smartphones e de impressão em workshops gratuitos (inscrições no local) de fotografias. As aulas serão ministradas no período de 26 de janeiro a 2 de fevereiro. São 20 vagas por turmas, sendo: Fotografia com celular, ministrado por Canindé Soares; Fotografia Básica, por Henrique José e Preparando arquivos para impressão, ministrado por Pablo Pinheiro.

 

Concurso de fotografia – O Concurso de fotografia vai premiar as melhores fotos, registradas de câmera profissional ou celular, durante a Fiart. Os participantes terão que postar a foto na rede social Instagram, usando a hashtag (#) de acordo com a categoria escolhida. Para fotos das apresentações culturais, postar a foto e marcar a hashtag #FiartConcursoCultural; já para fotos das peças de artesanato expostas na Feira, postar a foto com a hashtag #FiartConcursoExpo. As três melhores fotos, avaliadas pelo público e pela banca de especialistas, em cada uma das duas categorias, receberão premiação em dinheiro e serviços. As hashtags podem começar a ser postadas do primeiro dia da Feira, 25 de janeiro, até 1º de fevereiro de 2019. O resultado com a premiação será apresentado ao público no dia 2 de fevereiro. O regulamento do concurso está disponível do site http://feirafiart.com.br/concurso-de-fotografia/

Programação cultural:

      Fiart Cultural – Espaço para promoção artístico-cultural potiguar, com apresentações diárias, a partir das 18h, de atrações como orquestras; danças orientais; rituais indígenas; shows artísticos; mostra de artes circenses e literatura de cordel. Na noite de abertura (25/01) o show de encerramento será com a cantora acariense Iranilda Santana, a Deusa Nordestina do Forró.

         17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas – Homenageando a desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, Séphora Bezerra, a 17ª edição do festival acontecerá a partir do dia 30 de janeiro e prossegue até o dia 2 de fevereiro, reunindo grupos do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Paraíba em apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda (RN); Caboclinho ( PE)/(RN); Papangus (PE); Maracatu (PE); Xaxado (RN/PB); Araruna (RN); Pastoril de Dona Joaquina (RN); e a Capoeira (RN).

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo do Estado, Governo Federal, por meio do Programa do Artesanato Brasileiro e do Ministério da Cultura, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal. Outras informações e fotos estão disponíveis no site www.feirafiart.com.br

SERVIÇO:

 

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

 


Nice Medeiros – Assessoria de Imprensa 24ª Fiart

 

A 24ª edição da Feira Internacional de Artesanato – Fiart terá a exposição e comercialização da produção de 250 artesãos do Rio Grande do Norte. A iniciativa é do Governo do Estado, através da Secretaria Estadual do Trabalho, Habitação e Ação Social – Sethas.

A seleção dos artesãos se deu por meio de edital e realizada por uma comissão especial, composta por membros do Programa Estadual de Artesanato, Economia Solidária, Fundação José Augusto, Federação da Economia Solidária, Fórum de Economia Solidária e Sebrae.

“A comissão especial foi designada para garantir transparência na seleção dos artesãos, prezando pelos princípios da impessoalidade e moralidade. Além disso foi uma forma de garantir a seleção do maior número de artesãos de diversas tipologias”, explica a secretária da Sethas, Iris de Oliveira.

Serão expositores artesãos individuais, de cooperativas e de associações, da Economia Solidária e artesãos da Central de Agricultura Familiar – Cecafes, contemplando todas as tipologias do artesanato norte-rio-grandense.

A governadora Fátima Bezerra, ao participar do lançamento do evento nesta quinta-feira, 17, ressaltou a importância da participação do artesanato local na Fiart, “uma feira que reúne expositores de 12 países e também é uma oportunidade para a interação dos nossos artesãos e de ampliação de negócios”.

Fátima Bezerra disse que o apoio ao artesanato está sendo fortalecido na atual administração. “Como Governadora reitero o empenho e dedicação para fazer avançar esta atividade econômica e vamos implementar a Lei do Artesanato, de 2017. Além disso vamos promover parcerias com o Programa de Apoio ao Artesanato Brasileiro”, declarou.

Ela ainda afirmou que “o artesanato do RN tem potencial para ser um diferencial de competitividade no turismo, até por que ele traduz a nossa cultura rica e diversificada. Com o apoio de todos, vamos fazer muito pelo nosso artesanato, atividade que também integra a cadeia produtiva do turismo e pelo nosso RN”, concluiu.

COMO SERÁ A 24ª FIART

Este ano a Fiart tem como tema: “Água, terra, fogo e ar. Dos quatro elementos, o talento cria o futuro”.

A feira acontece no período de 25 de janeiro e 03 de fevereiro próximo com apoio do Governo do Estado, no Centro de Convenções de Natal.

O evento será dividido em seis salões: Elementos, Bordados, Arte Popular, Cerâmica, Cestaria e Salão Nacional.  Haverá premiação para melhor peça de artesanato de cada salão. Haverá também o 17º Festival de Danças Folclóricas com a participação de 930 artistas e 69 grupos culturais.

 


Assecom-RN