Marca Maxmeio

Notícias

DCIM100MEDIADJI_0014.JPG

31 de dezembro às 18:07

Feliz Ano Novo !!!

NOTA DE PESAR

Nenhuma enciclopédia se perde quando é eternamente lembrada pelo que deixou em aprendizado e conhecimento.

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Norte se solidariza com os familiares, parentes e amigos do nosso associado Everaldo Lopes, pelo seu falecimento, nesta data.

Everaldo teve um brilhante participação na Crônica Esportiva, trabalhando em diversos meios de comunicação do Estado, desde rádio ao jornal impresso, onde editava a coluna “Cartão Amarelo”.

Sua partida nos deixa grandes ensinamentos e uma lacuna difícil de preencher no Esporte Potiguar.

Nasci em São Bento do Trairi, mas tenho orgulho também de ter título de cidadão natalense e de ter vivido quase toda minha vida em Natal. Cidade maravilhosa que me acolheu e que não troco por lugar nenhum do mundo. Parabéns Natal!!!!

 

A chuva foi pela manhã, mas no final da tarde a ciclovia ainda estava assim, com possa d´água em alguns trechos. Mas se engana quem acha que é somente esse o problema. A ciclovia está cheia de areia. É que um carro tanque joga água nos canteiros para aguar os matos (muito mais que grama) e com a força o jato a areia invade a ciclovia. Além disso muito cocô de animais, inclusive dos cães que as pessoas levam em suas companhias. A ciclovia tem esse fim, mas esta sendo usada para pessoas caminharem, passearem além de caminhada num bom bate-papo ocupando toda pista e impossibilitando que os ciclistas possam usá-la. Muito ciclistas estão preferindo usar as pistas dos carros. As pessoas estão levando filhos pequenos em bicicletas, velocípedes e carrinhos. Outras com seus cães que ficam de uma lado para outro, o que pode provocar um acidente com ciclistas. Já vi cavalos, jumentos e até carroças na ciclovia. Motoristas não usam os retornos e sim as faixas elevadas de pedestres. Sem fiscalização e cuidado a ciclovia está servindo muito, menos para os ciclistas.