Marca Maxmeio

Notícias

 

A Polícia Federal prendeu em flagrante na tarde desta segunda-feira, 29 de julho, em Natal, um comerciante, potiguar, 29 anos, acusado de tentar sacar, fraudulentamente, R$ 30 mil reais de uma agência da Caixa Econômica Federal, no bairro do Tirol.

A prisão ocorreu quando os policiais checavam a informação de que um homem, utilizando documentos falsificados, iria procurar a Caixa para obter um empréstimo consignado.

Hoje, por volta das 14h, quando o acusado, já no interior da agência, preparava-se para agir, foi abordado e, apreendido em seu poder, documentos que usaria na aplicação do golpe, dentre eles, uma identidade de falsificação grosseira onde constava o nome de dois municípios no campo “naturalidade”,

Levado para autuação na superintendência da Polícia Federal, durante o interrogatório, o suspeito chegou a dizer que receberia cerca de R$ 10 mil de “gratificação” caso conseguisse sacar o dinheiro, mas afirmou “desconhecer a identificação”, bem como, o paradeiro, da pessoa que o contratou e lhe repassou os documentos .

Enquadrado nos crime de tentativa de estelionato e uso de documento falso, o acusado, que já possui antecedentes por porte ilegal de arma, encontra-se custodiado na Polícia Federal, à disposição da Justiça.

Somente nas últimas duas semanas, quatro pessoas já foram presas pela PF em Natal, praticando este mesmo tipo de crime.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Norte
                                                                           

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Btn Posts Anteriores