Marca Maxmeio

Notícias

26 de agosto às 01:31

Alceu Valença no Agosto da Alegria

 

 

 

Circuito Musical Agosto da Alegria 2012 com Alceu Valença no Largo do TAM
Depois de percorrer mais de 20 cidades em todo o país com seu novo show, em homenagem ao centenário de Luiz Gonzaga, Alceu Valença canta em Natal, no Largo do Teatro Alberto Maranhão, neste sábado, 25 de agosto, dentro da programação do Agosto da Alegria 2012 – É Festa para Deífilo. O show foi aberto por Pedrinho Mendes e Sueldo Soares.
O cantor lança o clipe de Sala de Reboco, um dos clássicos do repertório de Luiz Gonzaga, com a participação da acordeonista e cantora Lucy Alves, do grupo Clã Brasil, de João Pessoa. O clipe, com direção de Gustavo Caldas, pode ser assistido no http://www.youtube.com/watch?v=TtjKb0w1gsE&feature=youtu.be e no site www.alceuvalenca.com.br.
No palco, Alceu manifesta a grande nordestina e celebra o centenário de Luis Gonzaga, de modo a reafirmar seu legado como matriz da melhor canção popular do Nordeste. O espetáculo explicita a influência de Luiz na criação musical de Alceu e estabelece relações entre o cancioneiro de um e de outro.
Do repertório do Rei do Baião, Alceu recria canções que perpetuam o Brasil profundo na identidade musical do país: “Sabiá”, “Vem Morena”, “Asa Branca”, “Pau-de-Arara”, “Cintura Fina”, “Xote das Meninas”. De lavra de Valença, estão sucessos como “Coração Bobo”, “Pelas Ruas Que Andei”, “Cavalo de Pau”, “Belle du Jour”, “Táxi Lunar”, “Como Dois Animais”, “Anunciação” e “Tropicana”, além de temas que reforçam sua condição de renovador do forró e do baião, como “Embolada do Tempo”, “Forró Lunar” e “Turnê Nordestina”.
Nascido no Agreste de Pernambuco, Alceu cresceu escutando Luiz, mas também os elementos originais que o ajudaram a consolidar seu estilo. Pelo canto dos aboiadores, emboladores e cantadores de feira, pelas toadas, cantigas de cego e outras manifestações que conhecera desde o berço, Alceu assimilou a música de Gonzaga desde as raízes que a constituíram.
O próprio Luiz, ao assistir a um show de Alceu, no início de sua carreira, avaliou o então jovem compositor: “Sua música soa como uma banda de pífano elétrica”. Anos depois, Gonzaga viria a gravar uma composição de Alceu, em parceria com Carlos Fernando, “Plano Piloto”, escrita em homenagem a Brasília.
Alceu, por sua vez, gravou diversas canções de Luiz, ao longo de sua carreira. No último encontro, pouco antes de sua triste partida, o mestre pediu ao discípulo que cuidasse de seu legado: “Não deixe meu forrozinho morrer”, – sentenciou.
Alceu Valença se apresentou em Natal ao lado de Paulo Rafael (guitarra), Tovinho (teclados), Nando Barreto (baixo), Cássio Cunha (bateria), Edwin (percussão) e Lucyane Alves (acordeom e voz). Alheio aos polietilenos de baixa densidade dos forrós de plástico que assolam a biodiversidade musical brasileira, Alceu Valença mostrou como se canta o baião.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 comentários em “Alceu Valença no Agosto da Alegria

  1. Show de imagens do fotógrafo Canindé Soares no Agosto da Alegria!

  2. Já se tornou rotina: Como referência o Blog do competente Canindé Soares cobrindo os principais eventos realizados em Natal. As fotos demonstra o zelo e a qualidade profissional, de um dos nossos representantes da FOTOGRAFIA POTIGUAR. Presenciei uma cena que massagearia o EGO de qualquer um, no meio da platéia, uma senhora grita e fala: Agora sim, o Blog de Canindé o melhor do nordeste está na área…. o povo fala… não precisa dizer mais nada.

  3. QUE BELEZA, PASSEI NO LARGO – TANTA GENTE – MAS VOLTEI LOGO.
    O NTEM DE NOITE ATERRISSOU NO SOLO POTIGUAR, O JORNALISTA, ESCRITOR, POETA, PRODUTOR CULTURAL DE HAVANA-CUBA, FÉLIX CONTRERAS.

    ELE RETORNAR Á DIA 02-09.

    TEREMOS UM DIA INTEIRO NO VALE VERDE ONDE SEREMOS RECEBIDOS PELO PREFEITO, PASSEIO PELA CIDADE, PELOS ENGENHOS…
    VAMOS? 84 8821 5195

Btn Posts Anteriores