Marca Maxmeio

Notícias

Previsão de cerca de 85% de substituição por redes de fibra óptica promete incrementar serviço oferecido pela empresa

Com a pandemia da Covid-19, o setor de telecomunicações tem sido fundamental para garantir o trabalho, o entretenimento e a socialização. Diante disso, em 2021, a empresa potiguar Cabo Telecom pretende investir na reestruturação e melhoria das redes nas áreas já atendidas, além de promover a ampliação em algumas cidades da região metropolitana cobertas pela Cortez Online, empresa adquirida pela Cabo Telecom em 2020.

No ano passado, a empresa, que integra o Grupo Conexão, apostou em um grandioso projeto de expansão de redes de fibra óptica. Atualmente, a Cabo Telecom possui mais de 1.000 km de redes ópticas ativas, atendendo a Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Extremoz e Macaíba, sendo que nessas duas últimas apenas clientes corporativos.

Segundo Cláudio Alvarez, diretor presidente da Cabo Telecom, “em 2021 nosso projeto é reestruturar as redes já instaladas e melhorar ainda mais os nossos serviços. Até o final do ano, 85% da nossa rede antiga em bairros de Natal e Parnamirim será substituída pela tecnologia de fibra óptica”, afirma.

“Em relação à Cortez Online, os investimentos estarão voltados ao aumento da cobertura de redes nas cidades em que a empresa já atua e em áreas ainda não atendidas. Chegaremos assim, a novos lares levando tecnologia de ponta a muitos potiguares”, comemora Cláudio.

Em números, de acordo com Décio Feijó, diretor de engenharia da empresa, a reestruturação prevê mais 450 km de rede de fibra óptica, sobre as redes híbridas restantes, nas áreas de Parnamirim, Nova Descoberta, Cidade Alta, Alecrim, Capim Macio, Cidade da Esperança e Mirassol. Além disso, 140 km de rede serão construídos nas cidades atendidas pela Cortez Online.

A expectativa de crescimento para o ano de 2021 na Cabo Telecom, segue a linha do Grupo Conexão, que, atualmente, possui mais de 8.500 quilômetros de redes de fibra óptica e está presente em mais de 50 cidades em várias regiões do Brasil, prestando serviços a 410 mil lares, 20 mil clientes empresariais e empregando 1.920 pessoas. Segundo o CEO do grupo, Gilbert Minionis, neste ano, “o grupo Conexão chegará a 600 mil lares e contará com mais de 2.223 colaboradores”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Btn Posts Anteriores