Marca Maxmeio

Notícias

As distribuidoras da Neoenergia, entre elas a Cosern, encontraram na arte uma estratégia para conscientizar a população, reduzir casos de vandalismo e prevenir acidentes nas suas subestações elétricas.

O exemplo mais recente vem da Subestação Elétrica Guarujá 04, da Elektro, distribuidora da Neoenergia no litoral de São Paulo onde foi executado um mural de 155 metros de extensão com intervenções em grafitagem sobre a importância da energia e dicas de segurança e economia (confira fotos em anexo).

A iniciativa já é adotada há alguns anos pelas concessionárias da Neoenergia no Nordeste: Coelba (BA), Celpe (PE) e Cosern (RN). Em outubro de 2018, a Cosern entregou à população de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, o maior painel grafitado do estado, desenhado e pintado no muro da Subestação Igapó, próximo ao Gancho.

Produzido pelo artista Miguel Carcará juntamente com os alunos das Escolas Municipais Vicente de França Monte e Doutor Varela Barca dentro do projeto Grafite, Arte, Educação e Segurança da Cosern, o painel mede 270 metros de extensão e 03 metros de altura, homenageia São Gonçalo do Amarante retratando pontos turísticos e manifestações culturais do município e traz dicas de segurança no uso de energia elétrica com a população potiguar.

Este foi o terceiro painel com dicas de segurança grafitado nos muros das subestações da Cosern dentro do projeto. A primeira experiência foi realizada em agosto de 2016, no muro da Subestação Centro, localizada na esquina da Av. Prudente de Morais com o Canal do Baldo, no Tirol, em Natal. Artistas do grupo de grafiteiros Coletivo Aboio deixaram no local os seus traços coloridos que passaram a fazer parte da paisagem urbana de Natal.

Em junho de 2018, o grafiteiro Miguel Carcará promoveu uma oficina com os alunos do 4º e 5º anos da Escola Estadual Maria Lídia, nas Quintas, como preparação para a grafitagem do muro Subestação Alecrim. O trabalho se transformou em atração turística na central de distribuição elétrica.

Em maio de 2019, O muro do Edifício- Sede da Cosern, localizado na descida do viaduto do Baldo em direção ao Rio Potengi, região Central de Natal, transformou-se num painel grafitado de 750 metros quadrados pelas mãos dos artistas de rua do “#Coletivo 08” (Miguel Carcará, Vitor Silva, Suco, Marcos, Bob Jhow e F. Black).

“O nosso objetivo ao implementar a grafitagem é de inibir ações de vandalismo, como pichações, além de melhorar a segurança com redes a partir da conscientização sobre hábitos de segurança, mostrando que a população não deve pular o muro ou empinar pipa próximo à rede elétrica. A nossa experiência no Nordeste e agora na subestação Guarujá 04 já mostrou que, com os muros mais bonitos e coloridos, a comunidade se sente mais engajada e conseguimos um melhor resultado em parceria com os moradores”, afirma o gerente de Expansão de Subestações da Neoenergia, José Ferraz.

“Temos experiências positivas em diversos formatos, seja contratando artistas locais como fizemos no Guarujá ou disponibilizando os materiais para que a própria comunidade possa realizar as intervenções. Em todas, tivemos uma conscientização maior das pessoas e, consequentemente, mais segurança”, explica José Ferraz.

Fotos: Neoenergia/divulgação

SOBRE A NEOENERGIA: Companhia de capital aberto com ações (NEOE3) negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo. Parte do grupo espanhol Iberdrola, a empresa atua no Brasil desde 1997, sendo atualmente uma das líderes do setor elétrico do país. Presente em 18 estados e no Distrito Federal, seus negócios estão divididos nas áreas de geração, transmissão, distribuição e comercialização. As suas distribuidoras, Coelba (BA), Celpe (PE), Cosern (RN), Elektro (SP/MS) e CEB-D (DF) atendem a mais de 15 milhões de clientes, o equivalente a uma população superior a 37 milhões de pessoas.

A Neoenergia possui 4 GW em geração, sendo 88% de energia renovável, e está implementando mais 1 GW com a construção de novos parques eólicos. Em transmissão, são 1.038 km de linhas em operação, destes 359 km (três trechos) entregues em 2020 e cerca de 6 mil km em construção, já considerando o lote arrematado no leilão de dezembro de 2020. Por meio do Instituto Neoenergia, fomenta o desenvolvimento sustentável a partir de ações socioambientais e, assim, contribui para a melhoria da qualidade de vida das comunidades onde a empresa atua, sobretudo, pessoas mais vulneráveis, visando sempre pelo desenvolvimento sustentável. A partir de janeiro de 2021, a Neoenergia passa a integrar a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3 – Brasil, Bolsa, Balcão – que reúne companhias que possuem as melhores práticas de governança e sustentabilidade corporativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Btn Posts Anteriores