Marca Maxmeio

Notícias

Dor no peito, falta de ar ou cansaço são sintomas comuns do infarto, mas podem significar também uma doença rara: cardiomiopatia de Takotsubo, ou síndrome do coração partido como é mais conhecida, normalmente diagnosticada com origem psicológica.

Estudos hemodinâmicos –  exame realizado para identificar obstruções nas artérias coronárias –  mostram que, durante a síndrome, os ventrículos do coração não contraem corretamente, simulando um infarto do miocárdio e resultando numa imagem semelhante a um coração partido.

Segundo o cardiologista do Hapvida, Drº André Antoneangelo, o estresse emocional e físico são alguns dos fatores que impulsionam o surgimento da doença. “Uma separação ou após o falecimento de um familiar, perda do emprego, um acidente automobilístico com graves consequências, podem contribuir para o aparecimento da síndrome”, disse o especialista.

Geralmente, a doença afeta mais as mulheres com idade perto dos 40 anos. Atividades físicas ajudam na prevenção.  Além dos sintomas já mencionados, o paciente pode apresentar também dificuldade para respirar; tonturas e vômitos; perda de apetite ou dor no estômago; dificuldade para dormir.

Apesar de não existir tratamento específico para síndrome do coração partido, os medicamentos mais utilizados são os indicados nos casos de insuficiência cardíaca grave associada ao infarto do miocárdio. Técnicas de relaxamento e meditação também podem trazer alguns benefícios, já que trata-se de uma cardiomiopatia induzida por estresse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Btn Posts Anteriores