Marca Maxmeio

Notícias

Órgão ambiental notifica Prefeitura para assegurar a segurança dos pescadores e da população.

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema entregou uma notificação, nesta segunda-feira (29), a Prefeitura Municipal de Tibau, sobre o desmoronamento de partes da falésia Pedra do Chapéu, com riscos de acidentes, localizada na praia de Tibau, no litoral da Costa Branca potiguar.

O documento propõe que a Prefeitura promova ações como, isolar a área; instalar placas de sinalização, advertindo sobre os riscos de deslizamento; fiscais municipais, alertando do perigo; campanha educativa com pescadores e frequentadores da área; interditar a passagem de veículos próximo a falésia; e a divulgação com mensagens de alerta nas redes sociais para que os turistas evitem passar próximo ao local de risco.

A equipe de fiscalização do Idema realizou neste domingo (28) uma ação de vistoria no município de Tibau, na Região Oeste do Estado. Durante a inspeção no trecho conhecido como Pedra do Chapéu, ponto turístico, foi averiguado que a área afetada vem sofrendo um processo erosivo muito grande, uma ação antrópica (realizada pelo homem) e da natureza que têm intensificado os deslizamentos de pedras.

Para o diretor-geral do Idema, Leon Aguiar, é muito importante a parceria e o diálogo com os municípios, “a Fiscalização Ambiental é uma ação de controle para proteger e manter a integridade do meio ambiente, bem como assegurar o uso racional dos recursos naturais, coibindo as ações prejudiciais sobre a natureza. Além dos cuidados com a população”, afirmou o diretor.

Segundo a fiscal do Idema, Lissandra Cavalcanti, esteve com a equipe no local para avaliar a situação do dano ambiental e dos riscos. “A situação requer muito cuidado e atenção das autoridades para evitar uma tragédia, o ambiente está sem sinalização e a população indo muito próximo do monumento, e ainda tem carros trafegando. O nosso encontro com a prefeita de Tibau, Lidiane Marques da Costa, ocorreu de forma muito positiva. E a gestão municipal vai acatar nossas solicitações. Na ocasião, a prefeita nos solicitou vistorias nas áreas de dunas que vamos atender prontamente”, afirmou a fiscal do Instituto Ambiental.

A Pedra do Chapéu está situada na divisa do Rio Grande do Norte com o Ceará, muito frequentada por banhistas e turistas. O encontro ocorreu na Prefeitura com a participação da fiscal do Idema, Maria da Silveira, dos secretários Municipais Aureliano Marques (Obras), Márcia Cristina (Saúde), chefe de Gabinete, o chefe de Gabinete, Nazareno de Souza, e o vereador Daniel Roberto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Btn Posts Anteriores