Marca Maxmeio

Notícias

O NOVO impresso completa 1 ano nesse mês de abril e comemora com palestra de Leila Navarro sobre futurabilidade em um bate papo descontraído e com informações essenciais para o sucesso pessoal e profissional.

Iniciativa integra ações de lazer, educação para o trânsito e ecoturismo.

O Governo do Estado realizou, neste domingo (24) mais uma edição do Programa Viva + RN na Via Costeira, em Natal, numa faixa de 1,7 quilômetros de extensão entre a rotatória do Hotel Serhs e o antigo Vale das Cascatas no sentido Ponta Negra/Praia do Meio, no horário das 16 às 19 horas.

O Programa Viva + RN realiza ações integradas voltadas para a mobilidade sustentável e qualidade de vida que envolvem o lazer, educação para o trânsito e ecoturismo.

A governadora Fátima Bezerra disse que “o governo realiza uma ação multisetorial que abre espaço para atividades saudáveis, para o lazer, o esporte, e ações de educação para o trânsito beneficiando toda a população”.

Coordenadora do Programa RN + Saudável da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), Teresa Freire definiu como “um espaço importante que agrega ao bem viver práticas integrativas e trocas de experiências que refletem e favorecem novos hábitos e políticas de promoção à saúde. Um evento superpositivo, vemos famílias trazendo crianças, pessoas fazendo caminhada, corrida, passeio de bicicleta, um lazer qualificado com educação para o trânsito e qualidade de vida”.

A ação é promovida pelo Governo do Estado através da Sesap, por meio dos programas Vida no Trânsito e RN + Saudável. Também são parceiros o Conselho Estadual de Trânsito (Cetran/RN), Subsecretaria de Esporte e Lazer, Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RN), Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) e Comando da Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) da Polícia Militar.



Assecom-RN

A chancela da Unesco veio após a visita de avaliação técnica que aconteceu com apoio do Governo do Estado

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura – Unesco reconheceu, na manhã de hoje (13), o Geoparque Seridó como um território de relevância geológica internacional.  A partir desta quarta-feira (13), esse território rico nos aspectos geológicos, biológicos, culturais e históricos do povo seridoense passa a fazer parte oficialmente do Programa Internacional de Geociências e Geoparques da UNESCO.  

O resultado positivo coloca o Geoparque Seridó na seleta lista de Geoparques Mundiais da Unesco, que passa a contar com 177 geoparques em 46 países de todo o mundo, além de incluí-lo também na Rede de Geoparques Mundiais. Para o Prof. Marcos Nascimento do Departamento de Geologia da UFRN e Coordenador Científico do Geoparque Seridó a chancela da UNESCO é fruto de um trabalho coletivo. “Reconhecimento não somente por todas as atividades que foram realizadas nesses últimos 12 anos, mas também comprova que essa parte do Rio Grande do Norte tem um patrimônio geológico de relevância internacional, aliado a particularidades do restante do patrimônio natural e do patrimônio cultural, assim se tornando um lugar único no mundo. Essa visibilidade internacional favorecerá um maior desenvolvimento territorial por meio de práticas turísticas sustentáveis, aliadas a melhorias na educação e na conservação desses patrimônios únicos.”

A área do geoparque Seridó abrange área de 2.800 quilômetros quadrados e seis municípios com recursos naturais e construções humanas importantes: Cerro Corá – nascente do Rio Potengi, Carnaúba dos Dantas – Monte do Galo, Acari e Parelhas – açudes Gargalheiras e Boqueirão respectivamente, Currais Novos – Cânion dos Apertados e Mina Brejuí, e Lagoa Nova – Tanque dos Poscianos.

Em novembro de 2021, dois avaliadores da Unesco, com apoio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, estiveram nas seis cidades que compõem o Geoparque Seridó, na missão de avaliarem o território. “Recebemos com muito entusiasmo o aceite da Unesco. Agora o Rio Grande do Norte tem o segundo Geoparque do Brasil que além da relevância do ponto de vista da educação, ciência e cultura, há também o desenvolvimento turístico do Geoparque Seridó, tornando-se um produto inovador para o Estado do Rio Grande do Norte”, ressaltou a Governadora do Estado, Fátima Bezerra.

Conheça o Geoparque Seridó através do documentário dirigido por Canindé Soares e Diego Cavalcanti:
https://youtu.be/Dmp6cYzCXAg

Vindo com um jejum de cinco confrontos sem vitória no clássico, o ABC escolheu o momento certo para dar o golpe fatal no América, vencer o segundo jogo da final do Estadual por 4 a 2 e garantir a conquista do 57 título no RN.

Wallyson, que também amargava um jejum de gols de um mês, marcou duas vezes: um gol olímpico e outro de pênalti e mostrou realmente que o melhor do Mago ainda estava por vir. A vitória foi complementada por Jefinho e Fábio Lima. Elvinho e Wallace Pernambucano descontaram para o Alvirrubro.

Fonte:
TRIBUNA DO NORTE e BLOG DO BG

O Rio Grande do Norte aparece mais uma vez como destaque no cenário do turismo nacional. Em anúncio realizado na noite da última segunda-feira (11), pela Associação Brasileira das Operadoras de Turismo – Braztoa, Natal/RN, a porta de entrada do turista no RN, figura como segundo destino nacional mais vendido e visitado, empatado com Gramado/RS.                                                                                                        

O resultado é fruto do trabalho realizado pela Emprotur – Empresa Potiguar de Promoção Turística em parceria com os gestores públicos e o trade turístico potiguar para promoção do Estado do Rio Grande do Norte em mercados emissores estratégicos.

A capital potiguar superou destinos tradicionais como: Rio de Janeiro, Porto de Galinhas, Fortaleza e Maceió. “Esse é um resultado importante e que merece ser celebrado. Estamos no ranking pelo segundo ano consecutivo, colhendo os resultados de um trabalho focado e direcionado para o aumento de vendas”, declara o diretor-presidente da Emprotur, Bruno Reis.

O Giradança estreia espetáculo sobre narrativas femininas durante 5ª Mostra de dança Itaú Cultural 

Camadas de tinta e de histórias acumuladas, impressas, misturadas, desbotadas, dissolvidas nos corpos. Assim podem ser observadas as bailarinas da Companhia Giradança no espetáculo “Graça – uma economia da encarnação” com estreia presencial nos dias 13 e 14 de abril, durante a 5ª mostra de dança do Itaú Cultural, em São Paulo.

Jania Santos, Joselma Soares e Ana Carolina Vieira, bailarinas da Companhia, trazem à tona histórias que atribuem aos próprios corpos qualidades e possibilidades múltiplas, como nas narrativas mitológicas.

O espetáculo, que questiona o ser fêmea através das automitologias, teve a montagem realizada com o apoio do projeto Rumos Itaú Cultural 2019/2020. Devido a pandemia do coronavírus, o espetáculo passou por adaptações e foi lançado como filmedança no ano de 2021. 

Agora, a obra tem estreia presencial marcada para o dia 13 de abril, 20h, após convite para participar da Mostra de dança nacional que traz esse ano a reflexão “por que dançamos?”, com convidados de oito estados do Brasil e de mais três diferentes países, que levam o público a questionar, por meio de coreografias e trocas de ideias, sobre os motivos que levam os corpos a se movimentarem.

A coreografia do grupo potiguar foi elaborada por Elisabete Finger, que é performer e coreógrafa e desenvolve trabalhos que perseguem uma ‘lógica de sensações’ e se ocupam de um erotismo da matéria: um corpo-matéria que se funde, colide e atravessa outras matérias. Já a direção artística é de Alexandre Américo, artista e pesquisador da dança, com enfoque na investigação em arte contemporânea.

O espetáculo “Graça – uma economia da encarnação” conta com audiodescrição  e intérprete de libras durante a apresentação.

Giradança

A Companhia Giradança foi criada  na cidade de Natal/RN, em 2005, e se estabelece, já em seus primeiros trabalhos, como uma zona capaz de gerar tecnologias inacabadas (coreografias) operadoras de corpos discursivos com o enfoque nas relações tensionais entre corpos com e sem deficiência.

A Giradança tem apresentado em palcos de todo o Brasil um trabalho que rompe preconceitos, limites pré-estabelecidos e cria novas possibilidades dentro da dança contemporânea. Com quase uma década de trabalho acumula diversos prêmios nos seus mais de 13 espetáculos de repertório, onde já se apresentou por mais de 15 estados brasileiros e 5 países.

Serviço

Estreia do espetáculo “Graça – Uma economia da encarnação” 

Dias 13 e 14 de abril, às 20h

Itaú Cultural (SP)

Reserva de ingressos: https://itaucultural-eventos.byinti.com/#/ticket/futureEvent/graca-uma-economia-da-encarnacao

Classificação indicativa: 16 anos

O Concurso tem como objetivo captar olhares diversos sobre a natureza presente nas Unidades de Conservação. As inscrições são gratuitas e começam nesta segunda-feira (11) e seguem até 01 de maio.

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema, junto ao Programa Museal Jornada no Bosque, lançam, nesta segunda-feira (11), o Edital do “Concurso Jornada Fotográfica: A Natureza viva em você”. O concurso é aberto à comunidade, não sendo permitido vínculo com as instituições responsáveis. Os interessados têm até 01 de maio para se inscrever e encaminhar fotografia legendada, com a temática ambiental nas Unidades de Conservação Estaduais do Rio Grande do Norte.

O Concurso tem como objetivo captar olhares diversos sobre a natureza presente nas Unidades de Conservação, fomentar a aproximação e o fortalecimento de laços e memórias afetivas com o patrimônio natural do RN, além de incentivar a produção contemporânea da fotografia.

As inscrições acontecem de 11 de abril a 01 de maio. As fotografias poderão ser inscritas em duas categorias: “UCs em foco” e “EuNatureza”. A primeira delas contempla fotografias que apresentem a biodiversidade local ou a interação do ser humano com o ambiente nas Unidades de Conservação Estaduais; e a última, contempla obras de fotoperformance que apresentem a relação do artista com a natureza que compõe exclusivamente a biodiversidade das Unidades de Conservação Estaduais.

Para o coordenador do Núcleo de Gestão de Unidades de Conservação (NUC/Idema), Rafael Laia, além de serem espaços com belas paisagens e repletos de vida silvestre, as Áreas Protegidas, como o Parque das Dunas e a Área de Proteção Ambiental dos Recifes de Corais, são uma das mais eficazes maneiras de se proteger ecossistemas naturais e, por consequência, a biodiversidade.

“O Concurso de fotografia será uma das atividades ofertadas durante a Semana do Meio Ambiente. Através das imagens, o concurso busca promover as Unidades de Conservação Estaduais do RN, ao mesmo tempo em que nos ajuda a relembrar da importância desses ambientes para a vida na Terra. Precisamos conhecer e valorizar mais nossa natureza e a biodiversidade potiguar”, comentou Laia.

Para o idealizador do Programa Jornada no Bosque, Maurício Panella, o Concurso presta um estímulo nesse sentido, ao aliar educação, arte e meio ambiente.

“Nesses quase quatro anos de ações do Jornada na Unidade de Conservação Parque das Dunas, nossa equipe fica feliz de perceber o engajamento das pessoas com nossas criações em espaços naturais. E agora, por meio do Edital Jornada Fotográfica – a natureza viva em você, criado em parceria com o Núcleo de Unidades de Conservação do Idema, teremos a oportunidade de apresentar e aproximar as pessoas com a biodiversidade de outras UCs, utilizando a fotografia como meio. Nos sentimos felizes em poder criar essa rede de parceria entre os órgãos públicos municipais e estaduais, construindo um maior diálogo entre as secretarias de Cultura, Educação e Meio Ambiente, e, também, com as empresas incentivadoras do Jornada, por meio das Leis de Incentivo Djalma Maranhão e Câmara Cascudo”, comentou Panella.

Seleção

As imagens serão avaliadas por uma Comissão Julgadora, formada por profissionais da fotografia e de meio ambiente, através dos critérios de impacto visual, originalidade e domínio. A premiação final ocorrerá em 05 de junho de 2022, no Dia Mundial do Meio Ambiente.

Premiação

As fotos podem ser profissionais ou amadoras, e passarão por duas votações; comissão avaliadora e voto popular. Serão premiadas as cinco melhores fotografias de cada categoria, cumprindo os requisitos estabelecidos. Os autores das melhores fotografias de cada categoria receberão as seguintes premiações:

1º lugar: Um final de semana (de sexta a domingo) com acompanhante na Pousada Toca da Coruja em Pipa (APA Bonfim-Guaraíra);

2º lugar: Um final de semana (de sexta a domingo) com acompanhante na pousada do Élio, em Guamaré, e trilha aquática no Rio Tubarão com direito a caiaque e a stand up paddle (RDS Estadual Ponta do Tubarão);

3º lugar: Um passeio com acompanhante nos Parrachos de Maracajaú (APA dos Recifes de Corais);

4º lugar: Um passeio com acompanhante nos Parrachos de Rio do Fogo (APA dos Recifes de Corais);

5º lugar: Um passeio de buggy com acompanhante nas dunas de Jenipabu (APA Jenipabu).

Ficou interessado em participar? Leia o Edital e faça sua inscrição no site do Idema (idema.rn.gov.br).

Fonte:
Assessoria de Comunicação do Idema