Marca Maxmeio

Notícias

Por Vilma Torres de Agecom

A estação de pesquisa Habitat Marte está realizando convocatória para interessados em participar da missão 49 de simulação espacial na modalidade híbrida. Essas missões ocorrem de modo virtual e presencial na estação análoga Habitat Marte e terá duração de duas semanas.

O Habitat Marte tem como foco de pesquisa a sustentabilidade em ambientes áridos, envolvendo a produção de alimentos, saneamento, uso da energia solar, entre outros. A base fica situada no município de Caiçara do Rio dos Ventos, no interior do Rio Grande do Norte e é a única existente no Hemisfério Sul.

Por conta da pandemia da covid-19 a proposta da missão no Habitat foi adaptada para a nova realidade virtual para proteger a integridade dos participantes. Durante o experimento os membros são convidados a participar de atividades remotas que associam espaço e sustentabilidade. Fazem parte da pesquisa a coleta, o tratamento e a gestão da água de chuva, a produção de alimentos (através de sistemas de aquaponia e tecnologias de cultivo de baixo consumo de água) e a geração e uso de energia solar.

Desde 2017 mais de 200 participantes já se envolveram no projeto. Os Interessados devem enviar e-mail solicitando mais informações ao professor Júlio Rezende, coordenador do projeto: juliofdrezende@hotmail.com.

Dra. Michele Elali – Mediadora

A didática nos cursos de graduação universitária precisou se adaptar ao ambiente digital no período da pandemia do coronavírus em todo o Brasil. Pensando nisso, a professora Michele Elali, do Departamento de Direito Privado (Dipri), do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA/UFRN), criou o Projeto de Extensão I Ciclo de Carreiras Jurídicas: O Direito é plural, que será realizado sempre às segundas-feiras, no período de 31 de agosto a 14 de dezembro, às 19h30, através do YouTube

O evento é gratuito, aberto ao público, e as inscrições podem ser feitas através do site. A programação é formada por 13 encontros que contarão com a participação de nomes como Michel Temer, André Santa Cruz, Raquel Dodge, Joaquim Morais, Gabriel Faria Oliveira, Alexandre Morais da Rosa, Wagner Rosário, Flávia Piovesan, Nelson Rosenvald, Patricia Ferraz, Newton De Lucca e Ana Paula Martinez.

Para a professora Michele Elali, a ideia dos encontros é inspirar estudantes de direito e a comunidade a enxergar diferentes possibilidades de futuro profissional, ampliando horizontes: “Valemo-nos do momento de emergência sanitária para ultrapassar os limites geográficos, desmistificar o ensino remoto, e ainda concretizarmos o intercâmbio e acesso da educação à nível global, apresentando diferentes possibilidades de futuro profissional no direito e estreitando o desenvolvimento e a experiência dos juristas com a sociedade”, destaca.

A abertura será com o reitor da UFRN, Daniel Diniz, que vai bater um papo sobre o papel da Universidade e as transformações ocasionadas pela pandemia. “No contexto da pandemia, a UFRN vem desenvolvendo ações de enfrentamento à covid-19 em diversas áreas do conhecimento. Nesse sentido, o Departamento de Direito Privado teve a iniciativa de promover um ciclo de eventos para aproximar juristas do cenário nacional à comunidade acadêmica, ofertando um espaço virtual para o intercâmbio de ideias, com o intuito de propor discussões importantes para toda sociedade”, considera Daniel Diniz.

Todos os episódios do I Ciclo de Carreiras Jurídicas também fazem parte da disciplina Carreiras Jurídicas, ministrada pela professora Michele, e terão duração de uma hora, com exposição e interação através das redes sociais. Os encontros do #MEconvida são independentes e qualquer pessoa pode se inscrever nas atividades, que foram cadastradas como episódios individuais, e receberão certificados por cada evento como participante após inscrito. (clique aqui e acesse os links no site).

Outras informações podem ser consultadas no e-mail: odireitoeplural@gmail.com 

Confira a programação completa:

31/8/2020

Abertura com o reitor da UFRN, Daniel Diniz

Michele Elali – Professora da UFRN

14/9/2020

Michel Temer (tema: A Separação dos Poderes nas Constituições Brasileiras)

ex-Presidente da República (2016-2019) e professor de Direito Constitucional da PUC/SP

21/9/2020

André Santa Cruz – Procurador Federal/AGU

28/9/2020

Raquel Dodge – Procuradora-Geral da República (2017-2019)

05/10/2020

Joaquim Morais – Diplomata lotado na embaixada do Brasil em Paris

9/10/2020

Gabriel Faria Oliveira – Defensor Público-Geral da União (2018-2020)

26/10/2020

Alexandre Morais da Rosa – Juiz de Direito do Tribunal de Justiça de Santa Catarina

9/11/2020

Wagner Rosário – Ministro-chefe da Controladoria-Geral da União

16/11/2020 

Flávia Piovesan – Procuradora do Estado de São Paulo e professora da PUC/SP

23/11/2020

Nelson Rosenvald – Procurador de Justiça do MP de Minas Gerais

30/11/2020

Patricia Ferraz – Diretora de Registro de Imóveis da CNR (Confederação de Notários e Registradores)

7/12/2020

Newton De Lucca – Desembargador Federal do TRF da 3ª Região

14/12/2020

Ana Paula Martinez – Diretora do Dep. de Proteção e Defesa Econômica e Sec. Adj. da SDE/MJ (Sec. de Direito Econômico/Min. da Justiça) (2007-2010)

Em visita oficial ao Rio Grande do Norte nesta sexta-feira (21), o presidente Jair Messias Bolsonaro cumpriu agenda oficial nos municípios de Ipanguaçu e Mossoró, a segunda maior cidade do Estado.

Na capital do Oeste, o presidente desembarcou no Aeroporto Dix-sept Rosado fazendo inauguração do condomínio Residencial Mossoró I. Já em Ipanguaçu, o presidente visitou a comunidade Angélica, na região do Vale do Açu.

O presidente Bolsonaro cumprirá agenda ao lado dos ministros potiguares Fábio Faria, ministro das Comunicações e Rogério Marinho da pasta do Desenvolvimento Regional. Na comitiva dos deputados estaduais o vice-presidente da Assembleia Legislativa, George Soares (PL); o deputado Dr. Bernardo (Avante), ao lado dos parlamentares Getúlio Rêgo (DEM); Albert Dickson (PROS); Galeno Torquato (PSD); Tomba Farias (PSDB); Coronel Azevedo (PSC); o deputado Nelter Queiroz (MDB) e demais parlamentares do Legislativo Estadual.

As equipes da Diretoria de Comunicação, Tv Assembleia e Cerimonial também acompanharam a agenda do presidente da República.

QTPA: conheça as vagas para nível médio técnico na MB

Foi divulgado o edital do Concurso Público para Ingresso no Quadro Técnico de Praças da Armada (QTPA) que conta com 24 vagas. As inscrições serão abertas no dia 25 de agosto e se estenderão até o dia 5 de outubro, com taxa de R$ 44.
 
Rapazes de 18 a 25 anos, com ensino médio técnico nas áreas  de Eletroeletrônica e Mecânica poderão se inscrever através do site Ingresso na Marinha.
 
Áreas técnicas: QTPA
As áreas técnicas para admissão no QTPA são de Eletroeletrônica (11) que abrange Técnico em Automação Industrial, Técnico em Eletroeletrônica, Técnico em Eletromecânica, Técnico em Eletrônica, Técnico em Eletrotécnica e Técnico em Mecatrônica. Já a área de Mecânica (13) possui oportunidades para Técnico em Manutenção Automotiva, Técnico em Manutenção de Máquinas Industriais, Técnico em Manutenção de Máquinas Navais, Técnico em Manutenção de Máquinas Pesadas, Técnico em Mecânica, Técnico em Mecânica de Precisão, Técnico em Mecatrônica e Técnico em Refrigeração e Climatização.
 
Saiba mais
As etapas são divididas em: Prova Escrita Objetiva de Conhecimentos Profissionais para cada Área Técnica, Redação, Verificação de Dados Biográficos, Câmara Hiperbárica, Inspeção de Saúde, Teste de Aptidão Física de Ingresso, Avaliação Psicológica, Verificação de Documentos, Procedimento de Heteroidentificação Complementar à Autodeclaração e Período de Adaptação. Além disso, há o Curso de Formação de Sargentos para o QTPA (eliminatório e classificatório) e o Curso de Subespecialização de Submarinos para Praças (eliminatório)
 
Durante o Curso de Formação, que é totalmente gratuito, o aluno receberá R$ 1.414,82 além de demais benefícios. Sendo aprovado nesta etapa, ocupará a graduação de Terceiro-Sargento, os rendimentos chegam em torno de R$ 5.699,25, sendo soldo de R$ 3.825, adicional militar de R$ 612, adicional disponibilidade de R$ 229,50 e adicional habilitação de R$ 1.032,75.
  

Serviços
Inscrições: www.ingressonamarinha.mar.mil.br
Taxa: R$ 44
Nos acompanhe no Facebook: /ingressonamarinha

UFRN, Natal

Williane Silva de Ascom-Reitoria

O Ranking de Shanghai posicionou a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) como a melhor instituição de ensino do Nordeste e entre as 15 melhores do país. No cenário global, o Academic Ranking of World Universities 2020 listou a UFRN entre as mil melhores do mundo, de um total de mais de 2 mil instituições avaliadas.

Quatro universidades do Nordeste conseguiram entrar na lista das melhores instituições do mundo. A UFRN aparece na liderança do ranking nordestino ao lado da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e, em seguida, são listadas também as Universidades Federais da Bahia (UFBA) e do Ceará (UFC).

No cenário nacional, de um total de 22 universidades brasileiras que entraram no ranking, todas são instituições públicas de ensino superior. A melhor avaliada do país foi a Universidade de São Paulo (USP), seguida pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). As lideranças globais ficaram com a Universidade de Harvard, Universidade de Stanford e Universidade de Cambridge.

Ranking

O Ranking de Shanghai utiliza vários indicadores para classificar as universidades, como o desempenho acadêmico ou de pesquisa, ex-alunos e funcionários com prêmio Nobel, pesquisadores altamente citados, artigos publicados em revistas de alto impacto científico, artigos indexados nos principais índices de citação, entre outros critérios. Confira o ranking

Estreia hoje dia 19 de agosto, Dia Mundial da Fotografia, a primeira webserie sobre fotógrafos potiguares, ao todo são 17 entrevistados do estado do Rio Grande do Norte. A Série é um pequeno fragmento do amplo universo da fotografia feita no RN.
Cada programa tem três minutos de duração e além de apresentar o fotógrafo ou fotógrafa, também mostrará um trabalho autoral que será comentado pelo próprio artista.
A Websérie AUTORRETRATO estrea neste 19 de agosto, às 19 horas com o fotógrafo Canindé Soares, continuando com novos episódios todas as terças e sextas no canal do Coletivo daFOTO! no Youtube  https://www.youtube.com/channel/UCSZzeka7SpGzODicmUHknAQ?view_as=subscriber

Imagine a seguinte situação: depois de anos de namoro, e meses de preparação, um casal realiza seu sonho e se casa com toda a pompa e circunstância. Na recepção, os familiares e amigos estão ansiosos para celebrar, além de famintos, depois de toda a cerimônia. Ao todo são 200 convidados, e quem trabalha em cerimonial calcula que a proporção ideal seja de um garçom para cada 20 pessoas. Com isso, o buffet em questão deveria ter pelo menos dez garçons. Ocorre que o noivo, pensando em economizar, contratou somente 1/5 do efetivo ideal, ou seja: dois garçons, para atender aquelas 200 pessoas. Resultado: um desastre. Os convidados são mal atendidos, os garçons correm para tentar atender a demanda, os noivos se irritam e cobram resultado a todo momento e a festa vai por água abaixo. Ao fim, os garçons estão exaustos. Correram tanto, se sacrificaram, fizeram o possível, mas não alcançaram a excelência na prestação do serviço.

Com esta analogia, talvez fique mais fácil compreender a situação da Polícia Civil no Rio Grande do Norte. Segundo cálculos de organismos internacionais de segurança, um estado com a população do tamanho da nossa, deveria ter, pelo menos 5.150 policiais civis. Mas atualmente, temos ao todo 1.325 servidores, entre delegados, escrivães e agentes. Assim como os garçons, eles correm, se desdobram, vão ao sacrifício pessoal e diário, ao ponto de adoecerem, mas não conseguem realizar um serviço de excelência. A população (os convidados do buffet na analogia) cobram, reclamam, criticam, muitas vezes sem enxergar a situação dos dedicados garçons. Enquanto isso, os membros do poder público, cobram resultado a todo momento, de forma injusta, já que não oferecem as condições para tanto.

Os preocupantes números não foram atingidos da noite para o dia. Para se ter uma ideia, o último certame para a polícia que investiga os crimes e aponta os suspeitos aconteceu em 2008, incríveis doze anos atrás. E o anterior a este, ocorrera 15 anos antes. Ou seja, em quase trinta anos, tivemos apenas dois concursos para a polícia judiciária. Hoje, ela opera com cerca de 26% do efetivo adequado, mas se nada for feito, daqui a três anos, tal proporção poderá cair para 20% ou 1/5, exatamente como no exemplo da festa de casamento fracassada. Isso porque, na presente data, 150 policiais estão aptos para aposentar, e nos próximos três anos, outros 102 estarão nas mesmas condições

Há três anos, um processo para a realização do concurso tramita no governo do Estado. Recentemente, após muitas etapas já terem sido alcançada, a Secretaria de Administração decidiu passar para a própria Delegacia Geral de Polícia a responsabilidade da organização do certame, o que levou tudo praticamente à estaca zero. Esta é a terceira vez que o processo é reiniciado, e o que preocupa ainda mais, é que existe um prazo até 14 de setembro para que o Governo do Estado publique o edital, sob pena de se perder todo o processo. É importante ressaltar que, se a publicação fosse efetivada hoje, os primeiros delegados, agentes e escrivães seriam nomeados muito tempo depois, já que o concurso é um processo longo e o trabalho nas ruas só começa depois que todas as etapas são concluídas.  

Para a presidente da Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN, delegada Taís Aires, a realização do concurso depende hoje de vontade política da governadora Fátima Bezerra. “Acredito na boa vontade da governadora, até porque ela já anunciou publicamente e fez promessas sobre o concurso. Mas isso não é suficiente. A chefe do executivo precisa deixar claro para todas as secretarias e órgãos envolvidos, que esse concurso é uma prioridade para o estado. Estamos cansados de tantas idas e vindas. Precisamos de atos concretos”, ressaltou.

  

Curso online com Canindé Soares vai ensinar como conseguir resultados incríveis fotografando com smartphones.

Muito além das selfies, as aulas do curso vão explorar os conceitos, técnicas, criatividade e dicas que só um profissional capacitado pode compartilhar.

O curso aprovado no edital da Economia Criativa do Sebrae/RN vai proporcionar gratuitamente um curso online com o experiente fotógrafo Canindé Soares onde ele vai preparar e capacitar cada participante para fotografar com seu smartphone como estivesse fotografando como uma câmera profissional.

Serão abertas 50 vagas. O curso acontecerá em módulos que abordarão temas importantes e necessários para produzir fotos excelentes nas mais diversas finalidades.

Uma exposição virtual será realizada no final com o resultado fotográfico dos participantes no site www.canindesoraes.com. Todos receberão certificado de participação.

 A aula de abertura acontece na data de 19 de agosto, Dia Mundial da Fotografia através de uma live ás 15h no instagram do fotógrafo @canindesoares as demais etapas na plataforma Zomm apenas para os inscritos, sempre as terças e quintas, ás 15h nos dias 25 e 27 de agosto / 01 e 03 de setembro.

As inscrições são gratuitas e podem ser realizados até dia 22/08, através do e-mail: fotojornalismonatal@gmail.com informando nome, contato de whatsapp, uma pequena apresentação pessoal e falando do interesse no curso. As vagas limitadas

Maiores informações:  9. 9994-2841 / 9 8790 1373

INSCRIÇÕES ENCERRADAS

Sobre o Fotógrafo:

Nascido em São Bento do Trairi/RN, começou a fotografar no final dos anos 70, fazendo trabalhos na área social. Atua em seu site e como fotografo freelance para empresas e publicações locais e nacionais fotografando e disponibilizando um vasto acervo de fotografias do Rio Grande do Norte.

Canindé Soares é um importante fotógrafo jornalístico do RN.  Ele não só tem talento nato como tem muita técnica e conhecimento sobre o melhor ângulo e melhor momento para disparar sua câmera.

Tanto é que já esteve inserido em grandes projetos, já fez fotos que ficaram famosas pelo Brasil e pelo mundo, já ganhou vários prêmios entre eles o “Abril de Jornalismo – categoria Foto Jornalismo” considerado o Oscar do Jornalismo. Sua fotografia foi objeto de estudo como tese de doutorado da UFRN. Tem 04 importantes livros de imagens do RN publicados e já fez coberturas exclusivas de grandes eventos, personalidades e acontecimentos especiais. Pelas lentes de Canindé as belezas da cidade do Natal e do litoral do RN, já foram capturadas em imagens de alta qualidade numa perspectiva única proporcionando uma viagem para o público e uma divulgação de excelente bom gosto para o Estado. A paixão pela fotografia o fez, e faz, transformar o olhar e a percepção das pessoas para com o nosso Rio Grande do Norte.  

Negligência, abandono, violência física, exploração financeira. Esses são apenas alguns dos péssimos exemplos de como a violência doméstica contra os idosos acontece. Ela é mais comum do que se imagina e é também um dos focos da grande campanha institucional que a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte está realizando e que foi lançada oficialmente no início deste mês, pelo presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), com o apoio de todos os parlamentares.

Com o isolamento social, os números infelizmente apontam para um crescimento da violência no RN, de 258%, dos quais 71% vitimam os idosos. Os dados apontam que, à semelhança do que acontece com as mulheres, a maioria das agressões – mais de 60% – acontece dentro de casa. São maus tratos, insultos, humilhações e em alguns casos, até o cativeiro.

Num dos vídeos da campanha, que já está em todas as mídias, o Legislativo do RN orienta para os sinais de que o idoso está sendo vítima da violência e indica os canais de denúncia, através do número 180 ou por whatsapp (084) 98831 8984.

No Brasil, o dia 15 de junho é marcado como o Dia Mundial da Violência contra a Pessoa Idosa. No mundo, o Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa foi oficialmente reconhecido pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 2011, após solicitação da Rede Internacional de Prevenção ao Abuso de Idosos (INPEA), que estabeleceu a comemoração em junho de 2006. É um dia que marca a oposição do mundo inteiro aos abusos e sofrimentos infligidos a algumas de nossas gerações mais velhas.

Em relação à proteção à mulher, além do conjunto de leis que ao longo dos anos vem sendo apresentadas pelos parlamentares para o combate à violência doméstica, a Assembleia Legislativa foi autora do Programa Estadual de orientação, conscientização e combate à violência doméstica no RN. Seu objetivo é instituir medidas de incentivo a ações que estabeleçam apoio às vítimas de violência doméstica no mês de agosto, em alusão ao Agosto Lilás e ao aniversário da Lei Maria da Penha.

Dentro das atividades alusivas ao Agosto Lilás, a Casa está oferecendo atendimento terapêutico online, para auxiliar na promoção da saúde mental e conscientização sobre relacionamentos abusivos e nos casos de violência doméstica.