Marca Maxmeio

Notícias

O Giradança estreia espetáculo sobre narrativas femininas durante 5ª Mostra de dança Itaú Cultural 

Camadas de tinta e de histórias acumuladas, impressas, misturadas, desbotadas, dissolvidas nos corpos. Assim podem ser observadas as bailarinas da Companhia Giradança no espetáculo “Graça – uma economia da encarnação” com estreia presencial nos dias 13 e 14 de abril, durante a 5ª mostra de dança do Itaú Cultural, em São Paulo.

Jania Santos, Joselma Soares e Ana Carolina Vieira, bailarinas da Companhia, trazem à tona histórias que atribuem aos próprios corpos qualidades e possibilidades múltiplas, como nas narrativas mitológicas.

O espetáculo, que questiona o ser fêmea através das automitologias, teve a montagem realizada com o apoio do projeto Rumos Itaú Cultural 2019/2020. Devido a pandemia do coronavírus, o espetáculo passou por adaptações e foi lançado como filmedança no ano de 2021. 

Agora, a obra tem estreia presencial marcada para o dia 13 de abril, 20h, após convite para participar da Mostra de dança nacional que traz esse ano a reflexão “por que dançamos?”, com convidados de oito estados do Brasil e de mais três diferentes países, que levam o público a questionar, por meio de coreografias e trocas de ideias, sobre os motivos que levam os corpos a se movimentarem.

A coreografia do grupo potiguar foi elaborada por Elisabete Finger, que é performer e coreógrafa e desenvolve trabalhos que perseguem uma ‘lógica de sensações’ e se ocupam de um erotismo da matéria: um corpo-matéria que se funde, colide e atravessa outras matérias. Já a direção artística é de Alexandre Américo, artista e pesquisador da dança, com enfoque na investigação em arte contemporânea.

O espetáculo “Graça – uma economia da encarnação” conta com audiodescrição  e intérprete de libras durante a apresentação.

Giradança

A Companhia Giradança foi criada  na cidade de Natal/RN, em 2005, e se estabelece, já em seus primeiros trabalhos, como uma zona capaz de gerar tecnologias inacabadas (coreografias) operadoras de corpos discursivos com o enfoque nas relações tensionais entre corpos com e sem deficiência.

A Giradança tem apresentado em palcos de todo o Brasil um trabalho que rompe preconceitos, limites pré-estabelecidos e cria novas possibilidades dentro da dança contemporânea. Com quase uma década de trabalho acumula diversos prêmios nos seus mais de 13 espetáculos de repertório, onde já se apresentou por mais de 15 estados brasileiros e 5 países.

Serviço

Estreia do espetáculo “Graça – Uma economia da encarnação” 

Dias 13 e 14 de abril, às 20h

Itaú Cultural (SP)

Reserva de ingressos: https://itaucultural-eventos.byinti.com/#/ticket/futureEvent/graca-uma-economia-da-encarnacao

Classificação indicativa: 16 anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Btn Posts Anteriores